terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Fwd: BRASIL! BRASIL!



BRASIL! BRASIL!


Posted: 27 Feb 2012 05:13 PM PST




Posted: 27 Feb 2012 05:09 PM PST


"Pré-candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, deputado federal não abre mão das prévias e mantém confiança de que pode levar primárias tucanas mesmo contra José Serra: "Só disputa quem tem certeza de que tem chance de ganhar, e, no meu caso, ela é grande"

Diego Iraheta e Rodolfo Borges, Brasil 247

O ex-governador José Serra aceitou entrar no processo de prévias do PSDB. E não o faria se não desse a vitória como certa. A importância de Serra para o partido e o fato de dois pré-candidatos terem aberto mão da disputa em seu nome embasam tanta confiança, mas pelo menos um dos pré-candidatos remanescentes na disputa demonstra tanta certeza na vitória quanto Serra. "Não dá para saber qual será resultado, mas só disputa quem tem certeza de que tem chance de ganhar, e, no meu caso, ela é grande", disse ao 247 o deputado federal Ricardo Trípoli.

Trípoli e o secretário estadual de Energia, José Aníbal, optaram por sustentar o processo de prévias, marcadas para o próximo domingo, 4 de março. A depender do deputado, a data está mantida, apesar das pressões para adiar as primárias. Sobre a entrada de Serra na disputa interna mesmo depois do fim do período de inscrições, Trípoli demonstra resignação: "Ele é ex-prefeito, ex-governador".

Mesmo diante de um currículo tão imponente, o deputado mantém a confiança. "É uma eleição interna, não é fora daqui (PSDB). Se fosse externa, ele teria mais condições, por ser mais conhecido", pondera. "Dentro do partido, como somos miliantes, o resultado pode ser qualquer um", avalia o pré-candidato, que não foi informado se Serra participará ou não do debate entre pré-candidatos marcado para hoje à noite. "Vejo muita chance de vencer o pleito", finaliza Trípoli."
Matéria Completa, ::Aqui::


Posted: 27 Feb 2012 05:03 PM PST

"Com a concentração de vencimentos de títulos públicos no início do ano, o estoque da dívida pública federal caiu 3,5% em janeiro, fechando o mês em R$ 1,801 trilhão, ante resultado de R$ 1,866 trilhão em dezembro.

Isso ocorreu porque o governo resgatou mais papéis do que emitiu, o que resultou em um saldo líquido de R$ 76,16 bilhões.

Em janeiro, o Tesouro Nacional emitiu papéis no valor de R$ 10 bilhões, recursos que foram emprestados para o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social). Esse lançamento já havia sido anunciado pelo governo e completa os R$ 55 bilhões autorizados no ano passado."
Matéria Completa, ::Aqui::




Posted: 27 Feb 2012 04:46 PM PST


Raoni Scandiuzzi, Rede Brasil Atual

"O pré-candidato do PT à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, afirmou que irá conhecer de perto todos os "problemas crônicos" enfrentados pelos paulistanos, desde os bairros da periferia até os de classe média e alta. No primeiro, o ex-ministro da Educação tentará identificar os problemas cotidianos comuns a diferentes bairros e camadas sociais, como transporte público.

"A questão da mobilidade afeta a cidade toda, inclusive do ponto de vista econômico, então empresários estão tão preocupados com a questão quanto os trabalhadores", disse Haddad. Ele fez sua primeira visita ao bairro do M'Boi Mirim, Zona Sul, na última sexta-feira (24).

O plano do pré-candidato petista inclui visitas às 31 regiões das subprefeituras de São Paulo, o que o levou a antecipar a saída do ministério. "Eu poderia sair em abril, mas saí em janeiro justamente para poder visitar todos os bairros, fazer realmente uma imersão, colher todos os problemas crônicos da cidade." 

O segundo dia de imersão pela cidade, nesta segunda-feira (27), é no bairro Brasilândia, na zona norte. A ideia é também se tornar mais conhecido, uma vez que o nome de Haddad é novidade no ambiente eleitoral."


Posted: 27 Feb 2012 04:40 PM PST


"A força das economias dos países que compõem os BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) tem crescido e ampliado de forma expressiva a importância global do grupo, que se beneficia do desenvolvimento desigual das nações, fenômeno que se manifesta como uma lei da reprodução das sociedades capitalistas em nossa época.

Vermelho / UOL

Enquanto economias consideradas maduras estão enfrentando problemas de déficits orçamentários, crescimento pífio e aumento do desemprego, os BRICS estão expandindo rapidamente, reduzindo a pobreza e guiando a economia mundial. A estimativa é que o grupo corresponda a 37% do crescimento global de 2011 até 2016, aumentando a participação na economia mundial de 19% para 23%.

Segundo dados do International Business Report (IBR) 2012 da Grant Thornton, 34% dos empresários dos BRICS permanecem otimistas em relação a suas respectivas economias em 2012, bem acima dos 12% no G7. Essa confiança é refletida na expectativa com relação a performance dos negócios. De acordo com o IBR, 72% dos líderes nos BRICS consultados esperam elevação nas receitas, comparado com 37% no G7 e 43% globalmente. Além disso, 58% dos empresários nos BRICS estimam crescimento dos lucros, percentual bem acima dos 26% do G7 e 31% da média global.

Ainda há preocupação sobre a possibilidade de uma nova recessão. Três quartos dos executivos consultados nos BRICS temem que a economia global volte à estagnação novamente nos próximos 12 meses. Os indianos são os mais preocupados com esse cenário (96%), seguidos pelos russos (87%), brasileiros (76%) e chineses (66%). A África do Sul não foi pesquisada.

As perspectivas são robustas também quando se fala em investimentos. Uma área que os governos dos BRICS têm investido recentemente está relacionada aos grandes eventos esportivos como Jogos Olímpicos e Copa do Mundo. Do total, 51% dos empresários da região acreditam que esses eventos são importantes para atrair investimentos."
Matéria Completa, ::Aqui::


Posted: 27 Feb 2012 04:25 PM PST


Agência Brasil

"Em visita a Fortaleza, a presidente Dilma Rousseff anunciou nesta segunda-feira que três obras em andamento no Ceará vão receber R$ 1,983 bilhão da União. Serão destinados R$ 1,6 bilhão para a expansão do metrô de Fortaleza, R$ 239 milhões para o eixo de integração entre o Açude do Castanhão e o Complexo Industrial e Portuário de Pecém e R$ 124 milhões para a construção de moradias do Projeto Vila do Mar, em área de risco da capital cearense.

De acordo com dados divulgados pelo Ministério das Cidades, a implantação dos 12 km da Linha Leste do metrô de Fortaleza está orçada em R$ 3,034 bilhões, dos quais R$ 1,6 bilhão sairá do Orçamento Geral da União (OGU), R$ 633,9 milhões virão de contrapartida do governo estadual e R$ 800 milhões serão financiados. No Orçamento, estão incluídas a aquisição de 20 trens e a construção de 12 estações subterrâneas e uma de superfície.

As obras do eixo de integração Castanhão-Pecém, incluídas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), devem viabilizar melhorias nos 55,1 km que faltam para concluir a ligação de canais. O trabalho vai consumir R$ 259 milhões e deve ser concluído até junho do ano que vem. O Ministério das Cidades e do governo do Ceará estimam benefícios a aproximadamente 4,2 milhões de pessoas.

O terceiro financiamento previsto, no valor de R$ 124 milhões (R$ 101,9 milhões da União e R$ 22,3 milhões de contrapartida estadual) será para a conclusão do Projeto Vila do Mar, destinado à remoção de famílias que habitam áreas de risco, realocando-as em conjuntos habitacionais. De acordo com números da Caixa Econômica Federal, das 1.710 habitações previstas no projeto para populações de baixa renda, 264 foram entregues em outubro do ano passado. Falta concluir 1.446 habitações, além das obras de saneamento e urbanização, que deverão estar prontas até agosto de 2012.

Inicialmente, a viagem de Dilma a Fortaleza estava prevista para o último dia 6, mas teve de ser adiada porque a presidente precisou acompanhar exames médicos da mãe. Dilma deixará o Ceará às 18h20, com destino a Pernambuco, e deve desembarcar na Base Aérea de Recife por volta das 19h30. Na capital pernambucana, ela participará da inauguração de 480 moradias do Programa Minha Casa, Minha Vida."
Foto: Roberto Stuckert / PR/Divulgação


Posted: 27 Feb 2012 04:12 PM PST


Miguel do Rosário, O Cafezinho


"Em se tratando de processos eleitorais internos de seu partido, Serra tem uma preferência algo bizarra por só entrar na luta após humilhar seus correligionários e incendiar suas bases. Foi assim em 2010, é assim agora. Confesso que desta vez cometi um erro crasso como analista político: acreditei em Serra. Depois de ouvir inúmeras declarações peremptórias, até mesmo raivosas, de que não entraria na campanha, que era a sua palavra final, blá blá, eu acreditei que o ex-governador desta vez estava falando sério. Vivendo e aprendendo.


Mesmo assim, não posso esconder meu espanto ao contemplar a violência da decisão. Os pré-candidatos tucanos vinham realizando centenas de atos e reuniões pela cidade, torrando dinheiro do partido ou de seus próprios bolsos, tentando construir consensos mínimos em torno de seus nomes.


E aí, de repente, Serra muda de ideia, e tudo o que os pré-candidatos fizeram, todos os debates de que participaram, tudo vai para o lixo? No dia 23 de fevereiro, o PSDB divulgou até a cédula que seria usada para as prévias, e o partido autorizara o gasto de até R$ 25 mil por candidato. Até esse valor, a verba seria coberta pelo partido. Até o final da campanha interna, cada candidato poderia gastar R$ 100 mil.


Admito que não sou nenhum simpatizante do PSDB, mas continuo adepto da realização de eleições internas em todos os partidos. Fiz inclusive uma dura crítica a Lula, e justamente no auge da comoção nacional causada pela descoberta de seu câncer, por ter ajudado a enterrar as prévias do PT em São Paulo.
O filme de George Clooney, Ides of March, que mostra os sinistros bastidores das eleições para escolha do candidato do partido democrata, me fez ver que  a democracia cobra um custo altíssimo por seus supostos benefícios em prol da liberdade de escolha. A democracia, enquanto sistema de poder, é vulnerável à corrupção e à violência. Mas o processo eleitoral, mesmo com todas as suas conhecidas baixarias, dá visibilidade aos debates e expõe os candidatos às suas próprias contradições. Ruim com prévias, pior sem elas."
Artigo Completo, ::Aqui::


Posted: 27 Feb 2012 03:53 PM PST
Flávia Albuquerque, Agência Brasil

"O Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) variou -0,06% em fevereiro, enquanto em janeiro houve variação de 0,25%. A taxa serve de base para reajustes em contratos de aluguel. No acumulado do ano, o índice está em 0,19% e, nos últimos 12 meses, em 3,43%, de acordo com cálculo do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre-FGV).

Um dos componentes do IGP-M, o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) variou -0,26%, ante -0,07% em janeiro. Segundo a pesquisa, o índice relativo aos bens finais apresentou queda de 0,16%, em fevereiro. Em janeiro, esse grupo de produtos teve variação de 0,11%. A principal contribuição para a redução da taxa partiu do subgrupo alimentos in natura, com a taxa passando de 6,32% para 2,02%. O índice referente ao grupo bens intermediários ficou, em fevereiro, em 0,19%, a mesma taxa do mês anterior. O subgrupo materiais e componentes para a manufatura registrou acréscimo, ao passar de 0,42% para 0,48%.

O índice de matérias-primas brutas variou -0,95%, em fevereiro, enquanto em janeiro a variação ficou em -0,62%. Os principais responsáveis pelo resultado foram os itens: soja em grão (de 3,37% para -0,31%), mandioca (de 15,08% para 0,28%) e café em grão (de 1,27% para -2,39%). Ao mesmo tempo, ocorreram acréscimos em itens como minério de ferro (de -5,44% para -2,94%), bovinos (de -3,52% para -1,13%) e aves (de -7,47% para -5,26%)."
Matéria Completa, ::Aqui::


Posted: 27 Feb 2012 07:37 AM PST




Posted: 27 Feb 2012 07:26 AM PST
Paula Laboissière, Agência Brasil

"A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (27) que mais de 400 mil novas ligações elétricas devem ser feitas no país até 2014 por meio do Programa Luz para Todos. Apenas no ano passado, segundo ela, 253 mil famílias que vivem no campo, em assentamentos da reforma agrária, em aldeias indígenas e em comunidades quilombolas e ribeirinhas, além de produtores rurais, foram beneficiados pelo programa.

"Isso chega a quase 1 milhão de pessoas que saíram da escuridão", disse no programa semanal Café com a Presidenta. Dilma lembrou que desde 2003, quase 12 milhões de pessoas passaram a ter acesso à energia elétrica no Brasil. "Já fizemos muito, mas agora ainda temos um desafio grande, que é o de levar luz elétrica para as pessoas que moram em lugares de acesso mais difícil, em áreas isoladas, no meio da floresta, em serras e ilhas", explicou.

Uma das estratégias do governo para os próximos meses será o uso de novas tecnologias, como postes de fibra de vidro, que pesam menos que os de concreto e podem flutuar na água, facilitando o transporte por rios.

Para Dilma, investimentos no programa impulsionam a economia brasileira, já que criam novas oportunidades para comunidades antes desassistidas. "O Luz para Todos é um dos caminhos para melhorar a qualidade de vida, garantir cidadania, dar oportunidades de crescimento a todos os brasileiros", concluiu."


Posted: 27 Feb 2012 07:10 AM PST


Marina Dias, Terra Magazine

"Após o tucano José Serra confirmar, na manhã desta segunda-feira (27), via Twitter, que irá disputar a eleição para a Prefeitura de São Paulo, o PT fará uma reunião para avaliar o cenário paulistano, que se modifica bastante com a entrada do ex-governador na lista dos possíveis adversários do candidato petista Fernando Haddad. O encontro está marcado para as 14h, na sede do PT nacional, na região central da capital paulista.

De acordo com o presidente nacional do PT, Rui Falcão, a reunião terá o objetivo de "analisar o cenário das eleições municipais". Nada muito específico. Mas sabe-se que a entrada de Serra na disputa será o tema central do encontro, além das possibilidades de alianças, pois o PSD do prefeito Gilberto Kassab - que já flertou com o PT paulistano - está totalmente fora de cogitação. Kassab confirmou seu apoio a Serra.

Após o encontro, que terá a presença do presidente estadual do PT-SP, Edinho Silva, dentro outros dirigentes, Falcão concederá uma entrevista coletiva, prevista para as 16h.

Em paralelo à reunião, Haddad fará uma visita à região da Brasilândia, periferia da zona norte de São Paulo, onde se encontrará com moradores e militantes petistas para ouvir reivindicações sobre o bairro. Vereadores do PT paulistano e o presidente municipal do partido, Antonio Donato, devem acompanhar o candidato na agenda."


Posted: 27 Feb 2012 06:59 AM PST


"Vice-presidente da República avisa: parceria eleitoral com o PMDB na disputa pela Prefeitura de São Paulo só no segundo turno; ingresso de Serra na corrida não altera projeto peemedebista de eleger prefeito o deputado Gabriel Chalita

Brasil 247 / AE

O vice-presidente da República, Michel Temer, avisa: parceria eleitoral com o PMDB na disputa pela Prefeitura de São Paulo só no segundo turno. O ingresso do ex-governador tucano José Serra na corrida municipal não altera o projeto peemedebista de eleger o deputado Gabriel Chalita prefeito da capital, assegura o vice-presidente.

Dirigentes do PMDB avaliam que vem aí um "verdadeiro cerco" do PT para desmontar a candidatura do partido em troca da vice do pré-candidato petista Fernando Haddad e já ensaiam a resistência.

"Chalita é o candidato a prefeito do partido e nunca cogitou ser vice", adianta Temer que, nos últimos dias, não foi procurado pelo PT nem por emissários do governo federal com apelos em favor da candidatura do ex-ministro Fernando Haddad."
Matéria Completa, ::Aqui::


Posted: 27 Feb 2012 06:52 AM PST


Correio do Brasil

"Após articular a renúncia de dois possíveis concorrentes às prévias do PSDB, marcadas para o próximo fim de semana, o candidato derrotado à Presidência da República em 2010, após renunciar à prefeitura da capital paulista, José Serra voltou a usar a sua página no microblog Twitter para avisar aos internautas que pretende, mais uma vez, concorrer à sucessão municipal. A ação faz parte de uma estratégia do tucano para chamar atenção dos tucanos sobre o processo seletivo interno.

Nesta segunda-feira, Serra diz que irá comunicar "por escrito à direção do PSDB de São Paulo minha disposição de disputar a prefeitura de SP", escreveu.

Embora tenha se posicionado, inicialmente, contra as prévias como forma de escolha do candidato a prefeito, ainda que apenas em nível interno, sem se pronunciar publicamente sobre a questão e vendo o tempo se esgotar, Serra fez chegar aos integrantes de seu grupo político que o único meio de conseguir a vaga será no embate contra o secretário de Energia do Estado de São Paulo, José Aníbal, e o deputado federal Ricardo Trípoli. Dois serristas declarados, o secretário estadual de Cultura, Andrea Matarazzo, e o secretário estadual do Meio Ambiente, Bruno Covas, jogaram a toalha."
Matéria Completa, ::Aqui::


Posted: 27 Feb 2012 06:23 AM PST


Redação, Portal IMPRENSA

"O site Wikileaks divulgou cerca de cinco milhões de e-mails da Stratfor, um serviço secreto privado que, segundo o jornal espanhol Público, é considerada a 'CIA na sombra'.

De acordo com o jornal espanhol, a Stratfor tem entre os seus clientes serviços secretos como o Departamento de Segurança Interna e a unidade de combate ao narcotráfico dos Estados Unidos, ministérios dos Negócios Estrangeiros e da defesa, embaixadas e multinacionais como a Goldman-Sachs e a União de Bancos Suíços (UBS).

A imprensa mundial promete divulgar a partir desta segunda-feira (27/2) o conteúdo das mensagens reveladas pelo Wikileaks.

As informações sobre a Stratfor foram conseguidas após ataque do grupo de hackers Anonymous aos servidores da empresa há alguns meses. Repassadas à organização de Julian Assange foram divulgadas no último fim de semana.

Segundo o Público, um dos principais negócios da Stratfor Global Intelligence, era vender informações confidenciais de governos a empresas privadas que também eram seus clientes.

Com informações do Sol."


Posted: 27 Feb 2012 05:56 AM PST
Fábio de Castro, Agência FAPESP

"Quase 30% dos habitantes da Região Metropolitana de São Paulo apresentam transtornos mentais, de acordo com um estudo que reuniu dados epidemiológicos de 24 países. A prevalência de transtornos mentais na metrópole paulista foi a mais alta registrada em todas as áreas pesquisadas.


O trabalho faz parte da Pesquisa Mundial sobre Saúde Mental, iniciativa da Organização Mundial da Saúde (OMS) que integra e analisa pesquisas epidemiológicas sobre abuso de substâncias e distúrbios mentais e comportamentais. O estudo é coordenado globalmente por Ronald Kessler, da Universidade Harvard (Estados Unidos).


Em artigo publicado na revista PLoS One no dia 14 de fevereiro, os autores apresentam os resultados da pesquisa São Paulo Megacity Mental Health Survey, que gerou para o relatório internacional os dados relativos ao Brasil – no país, o estudo se restringiu à Grande São Paulo.


O estudo foi realizado no âmbito do Projeto Temático "Estudos epidemiológicos dos transtornos psiquiátricos na região metropolitana de São Paulo: prevalências, fatores de risco e sobrecarga social e econômica", financiado pela FAPESP e encerrado em 2009.


Entre os autores do artigo estão Laura Helena Andrade, professora do Departamento e Instituto de Psiquiatria da Faculdade de Medicina (FM) da Universidade de São Paulo (USP), e Maria Carmen Viana, professora do Departamento de Medicina Social da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes)."
Artigo Completo, ::Aqui::


Posted: 27 Feb 2012 05:14 AM PST
DCI

"A indústria brasileira começa a retomar o crescimento neste primeiro trimestre do ano e pode chegar a expandir a produção entre 1,5% e 3% em 2012, conforme estimativas da Confederação Nacional da Indústria (CNI), do Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial (Iedi) e a Fundação Getulio Vargas (FGV). As entidades estão mais otimistas, apesar de alguns dados, como os divulgados pela CNI na última sexta-feira, ainda demonstrarem fraqueza no desempenho do setor produtivo no mês de janeiro.

As instituições divergem, no entanto, sobre quando será retomado o crescimento. A aposta das duas primeiras é de retomada após o mês de março, enquanto a FGV projeta a inversão do desempenho já neste trimestre.

De acordo com Sondagem Industrial da CNI, para o mês de janeiro a produção manteve a tendência de queda iniciada em setembro de 2011, situando-se em 45 pontos ante 42,6 de dezembro e 45,6 no mesmo mês do ano passado. A utilização da capacidade instalada (UCI) ficou em 69%, abaixo dos 71% registrados em dezembro e dos 72% em igual mês de 2011. Já os estoques, continua a entidade, situaram-se acima do planejado, em 52,7 pontos. No entanto, os empresários mostram-se mais otimistas em fevereiro do que em janeiro.

"Os números mostram que a indústria continua tendo problemas, não conseguiu reduzir seus estoques e, por conta disso, continua reduzindo a produção", avalia o economista da CNI Marcelo Azevedo. Segundo ele, a queda dos estoques só deve ocorrer a partir de março, e mesmo que haja uma retomada da produção, ela não deve atingir o nível considerado normal. Para 2012, a perspectiva da CNI é de aumento de 2,3% no PIB industrial, ante o crescimento de 1,8% de 2011."
Matéria Completa, ::Aqui::


You are subscribed to email updates from Brasil! Brasil!
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610





--
Francisco Almeida / (91)81003406

Postar um comentário