sexta-feira, 13 de julho de 2012

Via Email: BRASIL! BRASIL!


BRASIL! BRASIL!


Posted: 12 Jul 2012 06:36 PM PDT



Posted: 12 Jul 2012 06:32 PM PDT

Helena Sthephanowitz, Rede Brasil Atual / Blog da Helena

"A revista Veja sabia quem era Carlinhos Cachoeira e mantinha uma sólida parceria com o bicheiro, em que valia até a receptação de gravações obtidas por meios ilegais para a elaboração de suas denúncias disfarçadas de reportagens.

A revista sabia que o agora ex-senador Demóstenes Torres (ex-DEM-GO) se relacionava com o bicheiro. Porém em suas páginas, abafava qualquer notícia desfavorável a Cachoeira e a Demóstenes.

Em 2004, o bicheiro foi apresentado ao Brasil como suposto corruptor de Waldomiro Diniz. O relatório final da CPI da Loterj o indiciou, recomendando a sua prisão. Naquela época, o jornalista Policarpo Júnior, da Veja, depôs a favor dele em uma comissão da Câmara dos Deputados. A revista apresentava o bicheiro não como contraventor e suposto corruptor, mas como se fosse um empresário "vítima" de corruptos.

Em setembro de 2010, na reta de chegada das eleições, o ex-governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, deu entrevista à Veja, em que disse que o dinheiro do "mensalão do DEM" alimentou campanhas eleitorais de Demóstenes Torres, José Agripino Maia (DEM-RN), Marco Maciel (DEM-PE) e outros políticos, sobretudo do DEM e do PSDB.

Arruda afirmou também que Demóstenes fez tráfico de influência junto a ele, pedindo que o governo do DF contratasse uma empresa de cobrança que ele apadrinhava. A Veja engavetou a entrevista, e não publicou nada. Obviamente as declarações de Arruda trariam prejuízos eleitorais a Demóstenes e Agripino faltando pouco mais de 2 semanas das eleições."
Matéria Completa, ::AQUI::


Posted: 12 Jul 2012 06:16 PM PDT

José Antonio Lima, CartaCapital

"Uma pesquisa do Centro de Pesquisas Pew, dos Estados Unidos, mostra como a crise econômica mundial tem abalado a crença de que o capitalismo é o melhor sistema para se viver. O levantamento do Pew, feito com 26 mil pessoas em 21 países entre março e abril, revelou que no mundo desenvolvido,  mais afetado pela crise, o apoio ao capitalismo vem ruindo. Ao mesmo tempo, os brasileiros despontam como um dos principais entusiastas do sistema.

O Pew mede o apoio ao capitalismo questionando os entrevistados em que medida eles concordam com a frase "as pessoas estão bem numa economia livre mercado, mesmo que existam alguns pobres e alguns ricos". Em 13 dos 21 países, 50% ou mais das pessoas responderam favoravelmente. Entre os oito onde a maioria "rejeita" o capitalismo estão a Espanha (47% apoiam) e a Grécia (44%), duas das nações mais afetadas pela crise.

As piores margens de apoio estão no Japão (38%) e no México (34%). Dos 21 países, 16 já haviam sido pesquisados pelo Pew anteriormente. Em nove desses 16 país o apoio ao capitalismo vem caindo. O maior declínio foi verificado na Itália (23 pontos percentuais) e na Espanha (20 pontos).

No Brasil, entretanto, as coisas são diferentes. Três em cada quatro pessoas entrevistadas no País disseram concordar com a frase "as pessoas estão bem numa economia livre mercado, mesmo que existam alguns pobres e alguns ricos". O resultado chama a atenção, uma vez que, em 2002 e 2006, ao eleger Luiz Inácio Lula da Silva, e em 2010, ao escolher Dilma Rousseff, os brasileiros colocaram no poder governantes que tinham no combate à desigualdade social uma de suas prioridades."
Foto: Yasuioshi Chiba / AFP
Matéria Completo, ::AQUI::


Posted: 12 Jul 2012 06:09 PM PDT

Wálter Fanganiello Maierovitch, Portal Terra / Sem Fronteiras

"Neste espaço informamos, há mais de mês, que o então senador Demóstenes Torres tinha um Plano B, diante da cassação quase certa do seu mandato.

O Plano B seria a sua volta ao Ministério Público de Goiás. Assim, continuaria na vida pública, embora com direitos políticos suspensos até 2027. 

Demóstenes é procurador de Justiça do estado de Goiás e licenciou-se em 1998. O seu irmão, que está sendo investigado pelo Conselho Nacional do Ministério Público por suspeita de  ligação com Carlinhos Cachoeira, é o chefe do Ministério Público goiano, ou seja, é o procurador-geral do estado de Goiás.

A propósito, Goiás virou o estado-federado em evidência na mídia. Além de Demóstenes, o governador Marconi Perillo ainda não convenceu a nenhum cidadão isento sobre a venda da casa que se tornou domicílio de Cachoeira. Mais ainda, o suplente de Demóstenes, de nome Wilder Morais, foi colocado na chapa eleitoral por indicação de Cachoeira. Por coincidência, e cada um tem escolha livre da vida amorosa, a ex-esposa de Wilder o trocou por Cachoeira.

Ontem, após a cassação, o Plano B do ex-senador Demóstenes começou a fazer água.

Tão logo publicada no Diário Oficial da União a cassação, o Conselho Nacional do Ministério Público vai iniciar um processo administrativo disciplinar por infração ética contra Demóstenes."
Matéria Completa, ::AQUI::


Posted: 12 Jul 2012 05:53 PM PDT
Jamildo Melo, Blog do Jamildo



Posted: 12 Jul 2012 05:22 PM PDT
"Endereço eletrônico e perfil no Facebook com críticas irônicas ao prefeito de BH ganharam milhares de seguidores em apenas uma semana. Mas estão fechados depois que o deputado Délio Malheiros (PV) passou a apoiar Marcio Lacerda. Hoje, o publicitário e empresário Pedro Guadalupe, autor do site, é disputado por vereadores e prefeituráveis da cidade

Brasil 247 / Minas 247

Pedro Guadalupe tem 26 anos e desde os 12 trabalha com informática. Há dois anos, começou a trabalhar com marketing político. Há apenas duas semanas, criou o site A Turma do Lacerda. Em apenas dois dias, a página do Facebook já tinha mais de 1000 seguidores e as brincadeiras do site tomaram conta das redes sociais usadas pelos belo-horizontinos.

Lacerda, no caso, é o prefeito da capital mineira, Marcio Lacerda (PSB). A Turma do Lacerda começou como uma brincadeira, foi ganhando peso e virou coisa séria. Hoje, está fechado, a espera de uma melhor definição do complexo quadro eleitoral em BH. No endereço (www.turmadolacerda.com), o visitante no momento vê apenas a foto do ator Thiago Lacerda - ironicamente, homônimo do filho do prefeito, que até há poucos meses era o presidente do Comitê Executivo da Copa em BH. Acima da foto do ator, o bem-humorado slogan "Juntos com o melhor ator do Brasil", um trocadilho com campanha publicitária veiculada por uma revista da capital no ano passado ("O melhor prefeito do Brasil", dizia a capa da revista).

O site era - ou é, se voltar ao ar - uma coletânea de notícias irônicas e críticas envolvendo o candidato socialista à reeleição. Um exemplo: uma das notas comparava Lacerda ao ex-prefeito Sérgio Ferrara (eleito em 1985 pelo PMDB), famoso por vender terrenos da prefeitura. Uma das críticas feitas ao atual prefeito é exatamente a venda de lotes públicos para a construção de empreendimentos imobiliários e comerciais.

Há outras razões para o fechamento do site, além de estar a espera de algum candidato interessado - Pedro Guadalupe admite conversas adiantadas com o coordenador da campanha de Patrus Ananias (PT), o vice-prefeito Roberto Carvalho. A página estava informalmente vinculada ao deputado estadual Délio Malheiros (PV), um dos mais contundentes críticos do prefeito da cidade até o início da semana passada. Numa dessas reviravoltas políticas que todos conhecem, Délio, como se sabe, virou o vice de Lacerda. Guadalupe, admitindo certa decepção, resolveu interromper o conteúdo da página, tanto no Facebook quanto no site."
Matéria Completa, ::AQUI::



Posted: 12 Jul 2012 05:10 PM PDT

"O desenvolvimento de uma nação deve ser medido pela capacidade de proteção às crianças e adolescentes, e não pelo Produto Interno Bruto", disse a presidenta Dilma Rousseff, nesta quinta-feira (12), quando participou da 9ª Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, em Brasília, que acontece esta semana em Brasília.

Vermelho

"O desenvolvimento de uma nação deve ser medido pela capacidade de proteção às crianças e adolescentes, e não pelo Produto Interno Bruto", disse a presidenta Dilma Rousseff, nesta quinta-feira (12), quando participou da 9ª Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, em Brasília, que acontece esta semana em Brasília.

"Uma grande nação deve ser medida por aquilo que faz para as suas crianças e para seus adolescentes, não é o Produto Interno Bruto, é a capacidade do país, do governo e da sociedade de proteger o que é o seu presente e o seu futuro, que são as suas crianças e os seus adolescentes", disse.

Segundo Dilma, a conferência tem o mérito de dar voz às crianças e adolescentes e fazer com que eles participem do processo decisório. "Poucos países do mundo têm um momento como esse, em que todos se reúnem para avaliar e propor, avaliar o que foi feito e propor que nós continuemos no caminho que vai levar este país de fato a ser uma grande nação", afirmou."
Matéria Completa, ::AQUI::


Posted: 12 Jul 2012 09:41 AM PDT



Posted: 12 Jul 2012 09:34 AM PDT

Ricardo Kotscho, Balaio do Kotscho

"Bastavam 41, mas foram 56 votos a favor da cassação do mandato do senador Demóstenes Torres, eleito pelo DEM de Goiás. Agora só resta descobrir quem foram os 19 senadores que votaram contra a cassação. Ou seja, acharam que ele era inocente e não fez nada de errado nas suas relaçoes especiais com o contraventor Carlinhos Cachoeira. Cinco outros ficaram na dúvida e se abstiveram de votar, beneficiando o denunciado. Só um, Cloris Fecury (DEM-MA), faltou à sessão.

Embora o voto seja secreto, gostaria muito de saber quem são, o que pensam e o que levou quase um quarto dos nossos representantes no Senado Federal a votar pela manutenção do mandato de Demóstenes Torres, depois de tudo o que foi investigado e provado contra ele pela Polícia Federal e pelo Ministério Público. Devem pensar e agir como ele. Restaram, portanto, 19 outros Demóstenes.

Ao ouvir a bem fundamentada acusação feita pelo relator da comissão de ética, Humberto Costa (PT-PE), e os argumentos usados nos discursos dos senadores que se manifestaram na tribuna, todos a favor da cassação e em defesa da credibilidade da instituição, fiquei me perguntando: como Demóstenes conseguiu enganar os jornalistas e seus colegas parlamentares por tanto tempo, desde que assumiu seu primeiro mandato em 2003?"
Matéria Completa, ::AQUI::


Posted: 12 Jul 2012 09:05 AM PDT

Beatriz Borges, CartaCapital

"Eles vieram andando desde Astúrias e León, estados do norte da Espanha, a 460 quilômetros da capital, Madri. A manifestação organizada por 150 mineiros se transformou, desde a terça-feira 10, num dos mais simbólicos protestos contra as medidas anti-crise anunciadas pelo governo de Mariano Rajoy. Era uma reação contra cortes drásticos de até 63% dos investimentos da indústria carbonífera, cuja produção é financiada pelo governo.

Os cortes nos incentivos ao setor colocam em risco o emprego de cerca de 7.000 famílias.

Ao chegar à capital, os mineiros em marcha foram recebidos com aplausos e palavras de incentivo. Por onde passava, a marcha negra (em alusão ao carvão) recebia mensagens de força e luzes acesas.

Alguns levavam o uniforme e camisas com as mensagens: "Querem acabar com tudo", "Não ao fechamento das minas de carvão".

A comitiva evocou a padroeira dos mineiros, Santa Bárbara, durante todo o longo caminho. Depois de 20 dias a pé, eles chegaram à Cidade Universitária, onde ficaram alojados, e depois partiram para a Porta do Sol, praça no centro de Madri que, no ano passo, se tornou o epicentro dos protestos na Espanha. Sindicatos e entidades como a Comissão dos Trabalhadores e a União dos Trabalhadores estavam presentes."
Foto: Álvaro de la Rúa
Matéria Completa, ::AQUI::


Posted: 12 Jul 2012 08:46 AM PDT

Redação, Ciclo Vivo

"O Diário Oficial do Estado de São Paulo publicou uma matéria, na última quarta (11), que causou revolta aos ciclistas. Com o título "mais, ciclistas, mais acidentes" o texto enfatiza o aumento no número de acidentes envolvendo ciclistas.

A reportagem ressalta já no primeiro parágrafo que 3,4 mil ciclistas foram internados em hospitais estaduais em 2011 e isto gerou custo de R$ 3,2 milhões ao governo. O único especialista citado foi o chefe do grupo de trauma ortopédico do Hospital das Clínicas (HC), Jorge dos Santos Silva, afirmando que as bicicletas são opções seguras de lazer em cidades menores que São Paulo.

O médico também informou que já nos seis primeiros meses de 2012 as internações de ciclistas acidentados no HC são maiores do que em todo o ano passado. A reportagem conta com um box com recomendações da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Em um destes espaços a publicação afirma que, por lei, o tráfego de bikes é permitido, porém é pouco seguro. As dicas são para que o leitor "não seja a próxima vítima".

Apesar dessa falta de incentivo do Estado de São Paulo, a própria legislação federal garante que os ciclistas têm preferência em relação aos veículos automotores. Pelo Código de Trânsito Brasileiro, a bicicleta é autorizada a circular tanto nas vias rurais, como urbanas. Atualmente, há dois tipos de multas para os que desrespeitam os ciclistas. São punidos os que não mantêm distância lateral de 1,5 m ao passar ou ultrapassar uma bike e os que nesta mesma situação não reduzem a velocidade do veículo."
Matéria Completa, ::AQUI::


Posted: 12 Jul 2012 08:27 AM PDT
Folha de S. Paulo

"Oito pessoas foram mortas a tiros durante a madrugada desta quinta-feira em Osasco, na Grande São Paulo. Ao menos um pessoa também ficou ferida e foi levada para o Hospital Regional de Osasco.

A Polícia Militar informou que atendeu a seis ocorrências de disparo de arma de fogo na região e que o número de feridos pode chegar a 10."
Matéria Completa, ::AQUI::

---------------------------------------------

Folha de S. Paulo

"Em pouco mais de três horas, criminosos armados com facas invadiram nove ônibus na região de Santo Amaro (zona sul), obrigaram os passageiros a descer, deixaram os coleti­vos atravessados nas ruas e fugiram levando as chaves dos veículos.

Os ônibus foram parados entre as 9h15 e as 12h35 de ontem. Ninguém ficou ferido."
Matéria Completa, ::AQUI::


Posted: 12 Jul 2012 08:07 AM PDT

"Marcio Sotelo Felippe: "Uma demonstração inequívoca de que a mídia tem lado e blinda, mesmo, as autoridades paulistas"

Conceição Lemes, Vi o Mundo

Na segunda quinzena de junho, duas graves denúncias foram feitas sobre a desocupação violenta do Pinheirinho, em São José dos Campos (SJC-SP), em 22 de janeiro de 2012. Curiosamente, nada na mídia até hoje. É como se não tivessem acontecido.

A primeira denúncia, no dia 19 de junho, foi a Reclamação Disciplinar ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) contra cinco autoridades do Judiciário paulista: Ivan Sartori, presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP); Cândido Além, desembargador TJ-SP; Rodrigo Capez, juiz assessor da presidência do TJ-SP; Marcia Faria Mathey Loureiro, juíza da 6ª Vara Cível de São José dos Campos; e Luiz Beethoven Giffoni Ferreira, juiz da 18ª Vara Cível do Fórum Central João Mendes Júnior, em SP.

Assinada por advogados, ex-moradores e movimentos de direitos humanos, ela pede apuração das irregularidades do procedimento judicial.

A segunda denúncia, divulgada no dia 22 de junho, foi dirigida à Comissão Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA) Além dos cinco membros do Judiciário já denunciados ao CNJ, ela incrimina também o governador Geraldo Alckmin, o prefeito Eduardo Cury e o coronel da Polícia Militar Manoel Messias, comandante da operação policial. Acusação: violação de direitos humanos.

Assinam-na vários advogados e entidades de peso: os professores de Direito Fábio Konder Comparato, Celso Antonio Bandeira de Mello, Dalmo de Abreu Dallari e José Geraldo de Sousa Junior; o ex-presidente da OAB-Brasil César Britto; o procurador do Estado de São Paulo Marcio Sotelo Felippe; o presidente do Sindicato dos Advogados de São Paulo Carlos Alberto Duarte; a Rede Social de Justiça e de Direitos Humanos, representada legalmente por Aton Fon Filho. Também os advogados Antonio Donizete Ferreira, Aristeu Cesar Pinto Neto Nicia Bosco, Giane Ambrósio Álvares e Camila Gomes de Lima."
Matéria Completa, ::AQUI::


Posted: 12 Jul 2012 07:48 AM PDT

"Em tempos de livros e revistas online, uma pesquisa encomendada pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL) e pela Câmara Brasileira do Livro (CBL) traz dados surpreendentes. O mercado literário brasileiro comercializou 470 milhões de livros no ano passado. O volume, considerado recorde, representa um aumento de 7% em relação ao número de vendas registrado no ano anterior. 

Vermelho

Esses números estão na pesquisa "Produção e Vendas do Setor Editorial Brasileiro", divulgada nesta quarta-feira (11), em São Paulo.

O professor e turismólogo Pedro Aníbal Brito é um frequentes comprador de livros. Todos os meses ele adquire de três a quatro livros, comprometendo cerca R$ 150 de seu salário nesse investimento."
Foto: Ricado Fernandes/DP/D.A Press
Matéria Completa, ::AQUI::


Posted: 12 Jul 2012 07:18 AM PDT
Posted: 12 Jul 2012 07:06 AM PDT


"Campanha do candidato tucano à Prefeitura de SP já dá mostras de como será o seu governo; centralizador e personalista; PSDB se submete aos desígnios do PSD; saída não consumada do coordenador Edson Aparecido é emblemática: governador Alckmin mandou ficar e ainda assinou convênio de R$ 40 milhões para fazer creches no município

Brasil 247

A campanha do candidato tucano José Serra à Prefeitura de São Paulo já da mostras de como será um  eventual segundo governo José Serra na maior cidade do país: centralizado na figura do alcaide, distante do partido e com forte influência do atual prefeito, Gilberto Kassab. Essas características provocaram no final da semana mais uma forte crise no comando da campanha, detonada pela decisão do secretario licenciado de Desenvolvimento Metropolitano, Edson Aparecido, de deixar seu posto de coordenador da candidatura. Foi preciso a intervenção direta do governador Geraldo Alckmin, a quem Aparecido é ligado, para que ele voltasse atrás, ao menos temporariamente.

"O Edson tinha expectativa também de vice", justificou Alckmin, lembrando que seu secretário foi preterido na chapa serrista pelo aliado de Kassab, o ex-secretário Alexandre Schineider. Ato contínuo, além de apagar o princípio de incêndio, o governador assinou ontem convênio de R$ 40 milhões para a construção de 22 creches na capital paulista – o assunto já é tema de campanha, com o adversário petista Fernando Haddad apontando o setor como praticamente abandonado pela atual gestão municipal."
Matéria Completa, ::AQUI::


You are subscribed to email updates from Brasil! Brasil!
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610



--
Francisco Almeida / (91)81003406

Postar um comentário