quinta-feira, 4 de julho de 2013

Via Email: BRASIL! BRASIL!: O povo não é bobo. Abaixo a rede Globo


BRASIL! BRASIL!


Charge do Bessinha

Posted: 03 Jul 2013 05:26 PM PDT


O povo não é bobo. Abaixo a rede Globo

Posted: 03 Jul 2013 05:25 PM PDT





Vídeo: "Globo, fascista! Sensacionalista!"

Posted: 03 Jul 2013 05:18 PM PDT

Imprensa não vivia momentos tão tensos desde a ditadura militar

Posted: 03 Jul 2013 05:15 PM PDT



"Após mais uma semana de ebulição em todo o País, com multidões seguindo em protestos por ruas e estradas, arrastando atrás de si minorias de vândalos e saqueadores, a imprensa, de um lado, abriu cada vez mais espaços para a cobertura e, de outro procurou entender e explicar as manifestações. Na nossa área de especialização, o jornalismo, muitos profissionais têm-se dedicado nos últimos dias a essa tarefa de tentar desvendar os mistérios das ruas, ocupando espaços como o Observatório da Imprensa, o Diário do Centro do Mundo e o Blog do Nassif, apenas para citar alguns.

Se tem sido árdua a tarefa de articulistas e analistas de imprensa, pior ainda é a de repórteres, cinegrafistas e outros profissionais encarregados das coberturas nas ruas, porque fazer jornalismo no Brasil nas últimas semanas tornou-se realmente uma atividade de risco. É sobre esse aspecto das manifestações, antes praticamente restrito a áreas bem conhecidas de banditismo e pistolagem, que J&Cia se debruça esta semana, trazendo como exemplo alguns casos que apuramos e outros noticiados em sites da nossa área, como Coletiva.net, Comunique-se e Portal Imprensa. O grande número deles e a frequência com que têm ocorrido mereceram o repúdio e pedidos de providências às autoridades brasileiras de entidades como Associação Internacional de Radiodifusão, Sociedade Interamericana de Imprensa, Repórteres sem Fronteiras, Fenaj e sindicatos de Jornalistas de todo o País, entre outras."

O caso mais emblemático foi certamente o de 130 profissionais de Zero Hora – editores, colunistas, repórteres, fotógrafos, infografistas, administrativos, diagramadores, estudantes de jornalismo e profissionais de vídeo –, que nesta 2ª.feira (24/6) publicaram um inusitado manifesto em que pedem o fim de ameaças, alertam para os riscos do cerceamento à liberdade de imprensa e reafirmam o seu dever de informar. As ameaças partiram, segundo o Grupo RBS, de grupos isolados que pretendiam depredar a sede da empresa em Porto Alegre nas manifestações dos dias 17 e 20 e entraram em confronto com a Brigada Militar. No texto, os funcionários lamentam que em meio aos protestos contra o aumento da tarifa do transporte coletivo seu local de trabalho seja alvo de ameaças de "uma minoria violenta e radical". "(...) queremos trabalhar, queremos ouvir o público. Queremos cobrir as manifestações da forma mais plural possível. É nosso papel e nossa forma de contribuir para a evolução da sociedade. Mas não podemos aceitar que nossa integridade física esteja ameaçada".

Como a "Difusora de Paracatu" entrou no escândalo da FIFA

Posted: 03 Jul 2013 04:52 PM PDT


Fernando Brito, Tijolaço
 
"Reproduzo abaixo, na íntegra, os documentos da investigação criminal contra a FIFA, João Havelange e Ricardo Teixeira em curso na Suíça e que a Justiça daquele país determinou que fossem tornados públicos.

Não é, portanto, "publicação de documentos confidenciais, protegidos por sigilo legal, acreditamos que o assunto será apurado pelos órgãos competentes", como outro dia se falou sobre a sonegação de impostos da Globo.

O Jamil Chade, no Viomundo, já contou parte desta história, mas a gente prefere transcrever os documentos judiciais.

Vamos aos trechos mais instigantes:

No dia  26 de maio de 1998, foi firmado um contrato de licença entre FIFA e da "Empresa 1″ para concessão de direitos mundiais para utilização da televisão e radiodifusão Direitos para a Copa do Mundo de 2002 e 2006, (exceto para a Europa e os EUA). Este foi assinado em nome da FIFA por João Havelange. Com este contrato, a FIFA concedeu a utilização exclusiva do rádio e direitos de transmissão televisiva para a Copa do Mundo de 2002 e 2006 para a Empresa 1 (a ISL/ISMM) com o exceção da Europa e os EUA. A concessão dos direitos exclusivos para a utilização dos direitos deveria ser compensada pelo pagamento mínimo de US$ 650 milhões para a Copa do Mundo de 2002 e US$  750 milhões para a Copa do Mundo de 2006."
Matéria Completa, ::AQUI::

"Constrangimento atinge toda América Latina", diz Dilma

Posted: 03 Jul 2013 04:38 PM PDT


"O governo brasileiro expressa sua indignação e repúdio ao constrangimento imposto ao presidente Evo Morales por alguns países europeus, que impediram o sobrevoo do avião presidencial boliviano por seu espaço aéreo, depois de haver autorizado seu trânsito", diz a presidente Dilma Rousseff em nota; "O constrangimento ao presidente Morales atinge não só à Bolívia, mas a toda América Latina", critica Dilma; Itamaraty vinha recebendo críticas pelo silêncio diante do caso ao longo de todo o dia


A presidente Dilma Rousseff emitiu nota nesta quarta-feira para expressou "repúdio e indignação" diante do constrangimento imposto ao presidente da Bolívia, Evo Morales, cujo avião foi impedido de sobrevor o território de alguns países europeus. Países domo Portugal, França e Itália impuseram a proibição diante da suspeita de que a aeronave levava o ex-agente da CIA Edward Snowden.
Mais informações »

Charge do Bessinha

Posted: 03 Jul 2013 09:35 AM PDT


Protestos seguem um roteiro: quem são os autores?

Posted: 03 Jul 2013 09:34 AM PDT


Caminhoneiros protestaram na Castello Branco (SP) por 15 horas /
Foto: Werther Santana/Estadão Conteúdo

Ricardo Kotscho, Balaio do Kotscho

'Com o esvaziamento das manifestações nas ruas e praças das cidades, os protestos tomaram o rumo das estradas e caminhoneiros bloquearam ontem 22 rodovias em nove Estados, fechando inclusive o acesso ao porto de Santos, que só foi liberado na manhã desta terça-feira.

Desde o dia 6 de junho, quando dois mil manifestantes do Movimento Passe Livre protestaram na avenida Paulista, em São Paulo, contra o aumento de 20 centavos nas passagens de ônibus, os protestos se espalharam por todo o pais e foram multiplicando sua pauta de reivindicações, que foi da PEC 37 ao combate à corrupção, dos gastos com a Copa à melhoria nos serviços públicos, atacando todos os governos, políticos e partidos.
Mais informações »

Hoje é dia de ocupar a mídia e defender a liberdade de expressão

Posted: 03 Jul 2013 09:22 AM PDT


Marcos Aurélio Ruy, UJS

"É hoje o dia para ocupar a mídia em protesto contra os desmandos dos barões da comunicação no país. Ocupar a mídia antinacional e antipopular. Ocupar a mídia uns a chamam de golpista, outros de comercial, convencional, tradicional, grande (no sentido econômico), burguesa, vassala do imperialismo, capitalista, venal, entre outros adjetivos, mas todas as alternativas estão corretas.

Juntamente com a ocupação midiática através das redes sociais na internet, também serão promovidos atos contra a Globo que incluirão a realização da "Assembleia Temática Democratização da Mídia, que tratará das medidas populares a serem adotadas contra o cartel midiático liderado pela emissora fundada por Roberto Marinho, aliado de primeira hora do golpe de Estado aplicado por militares, em 1964, contra o regime democrático brasileiro", afirma o Correio do Brasil.

Principalmente após reportagem veiculada pelo blog O Cafezinho, na qual comprova sonegação fiscal das Organizações Globo, na época do governo FHC e a emissora ainda não ressarciu os cofres públicos. A dívida já gira em torno de R$ 1 bilhão. Mesmo tendo saindo nota no portal UOL de que a Vênus platinada pagou o montante da dívida, os movimentos sociais cobram da emissora dos Marinho que mostre o comprovante de pagamento."
Matéria Completa, ::AQUI::

Serra voltou. Vai atropelar Aécio?

Posted: 03 Jul 2013 07:40 AM PDT


"Alguns serristas já retomaram a defesa da prévia interna para a escolha do presidenciável do PSDB - o que, no passado, Aécio Neves defendeu na briga com Serra, e que hoje ele foge como o diabo da cruz

Altamiro Borges, Blog do Miro / Brasil 247

A Folha tucana registrou nesta terça-feira 2 – não se sabe se triste ou feliz – que "Serra volta à cena política". Segundo a reportagem, o seu retorno é surpreendente. "Submerso há quase oito meses, ex-governador José Serra (PSDB-SP) decidiu voltar a atuar tanto nos bastidores quanto em frente aos holofotes no momento em que o governo da presidente Dilma Rousseff (PT) atravessa a sua maior crise. Nas últimas quatro semanas, Serra reativou contatos com economistas e cientistas políticos de sua confiança, encomendou estudos sobre a situação fiscal do país e colocou na ponta do lápis o impacto de medidas anunciadas pelo governo federal ou pelo Congresso para fazer frente à crise atual".

A mídia amiga também lhe cedeu generosos espaços, com várias entrevistas – inclusive ao programa Roda Vida, da TV Cultura, que cada dia mais se parece com um palanque eletrônico tucano. Tamanha exposição deve causar uma baita ressaca em Aécio Neves, o cambaleante presidenciável do PSDB. Na pesquisa Datafolha, que apontou a queda de popularidade de Dilma Rousseff, o senador mineiro também não colheu os melhores frutos dos protestos das últimas semanas. Com isto, aumentam os boatos de que o tucano paulista poderá novamente se animar a disputar as eleições presidenciais de 2014. Nem os bafômetros incomodam tanto o assíduo frequentador das noitadas cariocas!

Para piorar ainda a sua situação, uma estranha pesquisa publicada no Paraná aponta José Serra com 21,7% das intenções de votos no estado – distante menos de oito pontos percentuais de Dilma Rousseff e com seis pontos a mais do que o senador mineiro. Alguns serristas já retomaram a defesa da prévia interna para a escolha do presidenciável do PSDB - o que, no passado, Aécio Neves defendeu na briga com Serra, e que hoje ele foge como o diabo da cruz. Como apontou a Folha tucana, "Serra voltou à cena política".

Marcha Ocupe Rede Globo marcada para esta quarta

Posted: 03 Jul 2013 06:19 AM PDT


"Ato público no Rio de Janeiro marcado para o final da tarde desta quarta-feira foi organizado pelo Facebook contra a cartelização da mídia no país; Pouco antes, coordenadores do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé irão protocolar, na portaria da emissora, "o documento da Receita Federal que comprova a sonegação" de impostos da empresa de José Roberto Marinho, em um processo que corria em segredo de Justiça até ser vazado pelo blog O Cafezinho

Brasil 247 / Correio do Brasil

As ruas do Jardim Botânico, elegante bairro na Zona Sul do Rio de Janeiro, estarão tomadas no final da tarde desta quarta-feira. Acostumados com os desfiles carnavalescos do Monobloco, que entopem o bairro de foliões, no carnaval, os moradores das cercanias entre a avenida principal e as transversais, até a Rua Von Martius, verão uma manifestação mais concisa. Confirmados na página Ocupe a Rede Globo, em uma rede social, mais de 2 mil manifestantes realizarão, em frente à entrada da emissora, um ato público contra a cartelização da mídia no país.
Mais informações »
You are subscribed to email updates from Brasil! Brasil!
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610



--
Francisco Almeida 




Postar um comentário