domingo, 17 de março de 2013

Via Email: BRASIL! BRASIL!: Lula entra na briga por São Paulo


BRASIL! BRASIL!


Jantar com empresários: Campos percebeu que o ponto fraco do governo Dilma é a boca

Posted: 16 Mar 2013 06:16 PM PDT


Eduardo Campos vai tentar atrair os descontentes com o fato de o governo Dilma ouvir pouco. Ele sabe que isso pode funcionar

Renato Rovai, Blog do Rovai

"Só Dilma pode tornar Eduardo Campos um candidato forte. Já afirmei isso aqui. Elegê-lo então será um desafio hercúleo não só para Dilma, como para boa parte dos seus ministros e também para o PT.

Uma das formas de fortalecer o governador de Pernambuco é continuar fazendo o que boa parte dos assessores e ministros continuam fazendo, dialogando pouco. Campos já percebeu isso. E ontem em jantar com 60 empresários na casa do dono da Riachuelo, disse: "O governo, além de tudo, às vezes não dialoga. A solução é falar com o governo pela imprensa. Não quer me receber? Você pode tuitar."

O fato de Campos ter dito que o Brasil não começou ontem e que o governo pode fazer mais não significa nada do ponto de vista político. Mas ter percebido que esse governo é ruim de conversa é um caminho que pode levá-lo a ir se cercando de muita gente descontente com o rumo de algumas coisas.

Conversar pode não resolver o problema, mas como diz um amigo, também não gasta a boca. Além do mais, o diálogo é parte integrante do ritual da política. Governo que conversa pouco, mesmo bem avaliado, se arrisca muito."
Artigo Completo, ::AQUI::

Lula entra na briga por São Paulo

Posted: 16 Mar 2013 05:47 PM PDT



 Altamiro Borges, Blog do Miro


"A propaganda do PT paulista veiculada na rádio e tevê na quarta-feira (13) deve ter deixado muitos tucanos preocupados. Nela, o ex-presidente Lula foi a principal estrela e insinuou que pode vir a disputar o governo estadual em 2014. "Temos sido o partido que mais fez pelo Brasil. Está na hora agora de a gente ser o partido a fazer mais por todo o estado de São Paulo", afirmou no comercial de 30 segundos. A presidenta Dilma também foi escalada e falou das recentes reduções da conta de luz e dos impostos da cesta básica.

Lula não afirmou que será candidato – pelo contrário, ele tem dito e repetido que o seu papel em 2014 será percorrer o país para contribuir na reeleição de Dilma Rousseff –, mas a sua frase solta no ar foi o suficiente para estimular um bocado de especulação. Os jornalões, apavorados, sentiram o baque. A entrada em cena do ex-presidente, que goza de alta popularidade, poderia acelerar o fim do domínio de 18 anos do PSDB no principal estado da federação. Seria um golpe mortal na oposição partidária de direita.

A tendência maior é que Lula não concorra a nenhum cargo em 2014. Neste sentido, a disputa pelo governo paulista está descartada a princípio – mas a política é sempre muito dinâmica e reserva surpresas. O fato concreto é que Lula decidiu investir pesado nas eleições em São Paulo. O comercial da rádio e tevê confirma esta disposição. Seja com um candidato já testado nas urnas ou com um nome novo – como nos casos de Dilma e Haddad –, ele terá forte influência no pleito. Geraldo Alckmin, que anda muito desgastado segundo as pesquisas, que se cuide!"

Argentina vê Francisco como delator de irmão torturado

Posted: 16 Mar 2013 05:28 PM PDT


Graciela Yorio, 67, segura a foto do seu irmão Orlando, torturado pela ditadura argentina, na sua casa em Buenos Aires

Silvana Arantes, Folha de S. Paulo

"O papel que Jorge Mario Bergoglio desempenhou no sequestro e na tortura pela ditadura militar argentina (1976-1983) do padre Orlando Yorio ainda está por ser decifrado.

Que o agora papa Francisco use seu irrestrito poder na igreja para liberar documentos que esclareçam definitivamente qual foi sua atuação durante o regime militar é uma exigência de Graciela Yorio, 67, irmã do padre.

"Não quero sujar a imagem do papa. Que ele desfrute de seu poder. Mas exijo que a igreja nos ajude a encontrar a verdade", afirma a argentina à Folha, em entrevista concedida em sua casa, no extremo norte de Buenos Aires.

Particularmente, Graciela está convicta de que Bergoglio delatou seu irmão aos militares como sendo próximo à militância de esquerda, rotulando-o de "guerrilheiro".

Essa suspeita levou à prisão de Yorio, que foi torturado no principal centro clandestino de detenção em Buenos Aires durante a ditadura, a Esma (Escola de Mecânica da Marinha). "Meu irmão não tinha dúvidas sobre isso. E eu acredito em meu irmão", afirma Graciela."
Foto: Ignacio Sanchez
Matéria Completa, ::AQUI::

Charge do Bessinha

Posted: 16 Mar 2013 05:12 PM PDT


Arquivos de órgãos da ditadura militar estão desaparecidos

Posted: 16 Mar 2013 05:11 PM PDT

"Levantamento identificou 260 organizações voltadas à coleta de informações. Mas só 53 têm algum documento depositado no Arquivo Nacional

Novojornal

Documentos produzidos por mais de 200 órgãos de inteligência durante a ditadura militar (1964-1985) estão desaparecidos, de acordo com levantamento feito pelo Arquivo Nacional, que é responsável por recolher e organizar os papéis do período.

Com base no arquivo do antigo SNI (Serviço Nacional de Informações), principal órgão de espionagem do regime militar, o levantamento identificou 260 organizações voltadas à coleta de informações em ministérios, autarquias e fundações federais.

Mas só 53 desses órgãos têm algum documento depositado no Arquivo Nacional. Entre os 207 arquivos desaparecidos estão o do Cenimar (Centro de informações da Marinha) e o do CIE (Centro de Informações do Exército).

O governo tenta localizar os documentos desses arquivos há mais de seis anos, mas os ministérios onde esses órgãos funcionavam dizem que não conseguem encontrá-los."
Matéria Completa, ::AQUI::

TJ de Minas Gerais cassa medida e reconhece legalidade do "Novojornal"

Posted: 16 Mar 2013 04:18 PM PDT



Redação, PortalIMPRENSA

"O Tribunal de Justiça de Minas Gerais cassou a medida arbitrária tomada pela Vara de Inquérito da Capital, que apreendeu todos os equipamentos do Novojornal e suspendeu o registro .com.br do portal, impedindo sua hospedagem no Brasil, noticiou a publicação.

A medida já durava quase cinco anos, e foi tomada após pedido de Jarbas Soares, então Procurador Geral de Justiça. De acordo com os colegas de Jarbas, o Procurador estava irritado com as matérias publicadas pelo jornal, que denunciavam seu envolvimento em diversos esquemas de corrupção.

Durante todo esse período, o Novojornal funcionou somente através do registro .com e foi obrigado a adquirir novos equipamentos para seu funcionamento. "Espera-se para os próximos dias a devolução dos equipamentos assim como a liberação do domínio .com.br", diz o jornal."

Duas tonalidades de sombra

Posted: 16 Mar 2013 09:27 AM PDT


Foto: Cardeal Bergoglio 
(agora Papa Francisco)
e o general Jorge Videla, um dos
maiores ditadores argentinos

Luciano Martins Costa, Observatório daImprensa

"Os jornais brasileiros abrem espaço para a defesa do papa Francisco, no debate que se estabeleceu assim que foi anunciado o nome do cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio para o trono do Vaticano. O ponto focal é: que papel ele jogou durante a ditadura militar?

Com tudo que tem de retrógrada e atual, essa questão central remete a um contexto muito contemporâneo: a sociedade brasileira, assim como quase todos os países latino-americanos, está dividida em dois grupos antagônicos, duas visões de mundo divergentes que se tornam cada vez mais ortodoxas conforme se agrava o radicalismo presente na mídia e nas redes sociais digitais.

Nas edições de sexta-feira (15/3), os jornais reproduzem declaração do arquiteto argentino Adolfo Pérez Esquivel – que em 1980 recebeu o Prêmio Nobel da Paz por sua campanha pacifista contra a violência política –, no qual afirma não considerar que o cardeal Bergoglio tenha sido cúmplice da ditadura, mas que lhe faltou coragem para acompanhar a luta pelos direitos humanos nos momentos mais difíceis.
Mais informações »

Bolsonaro é uma semente do fascismo, mais uma entre tantas espalhadas por aí

Posted: 16 Mar 2013 08:24 AM PDT

Bob Fernandes, Terra Magazine

Zé de Abreu, o militante

Posted: 16 Mar 2013 08:11 AM PDT


"Quem vai abonar minha ficha é a Dilma e o Lula. No mínimo", brinca. Foto: Paula Kossatz

Cynara Menezes, CartaCapital
 
"Com o mar da Barra da Tijuca na janela e o cão da raça lhasa apso e nome Pipo no colo, diante da tela do computador, o ator José de Abreu tuíta. Fala de política (muito) e de televisão e teatro (menos), praticamente o dia inteiro. Tem frequência tão assídua na rede social quanto o divertido vilão Nilo tinha nos lares brasileiros durante Avenida Brasil, a anterior novela das 9 da Globo. A popularidade na tevê e na internet fez surgir um novo interesse: Zé de Abreu decide se vai ou não se lançar a deputado federal pelo PT em 2014. Está para se filiar ao partido.

"Estou esperando, porque quero o 'top' na minha filiação. Quem vai abonar minha ficha é a Dilma e o Lula. No mínimo", diz o ator, que milita na política desde a época da ditadura, quando cursava Direito na PUC-SP. Tem o destino paralelo ao de outro Zé, o Dirceu. Ambos nasceram no ano de 1946, Zé Dirceu em março e ele em maio. Zé de Abreu, em Santa Rita do Passa Quatro, São Paulo, Zé Dirceu, em Passa Quatro, Minas Gerais. Todo mundo confunde. Um continuou na política e o outro se decidiu pelo teatro, após viver anos rebeldes em São Paulo e anos lisérgicos em Londres, em Amsterdã e na Bahia.

Pipo não para sossegado, e Zé de Abreu o tranca na cozinha enquanto conversa e posa para as fotografias. Falo que está em boa forma para os 67 anos prestes a completar, ele passa a mão no tórax, estica-se todo na cadeira e diz: "É, tô gostosão", gargalha. "Sou de uma geração que deu sorte, que vai chegar aos 70 bem."

Em seguida entra, com jeito sério e dreadlocks nos cabelos, seu filho Cristiano, de 28 anos, que participará de toda a conversa com o ator. No elevador, cruzamos com a mulher de Abreu, Camila, que vai nos encontrar no almoço. Por último, já no restaurante, conheço Bernardo, de 12, o caçula. Tem ainda Theo, de 36, e Ana, de 35. O primogênito Rodrigo morreu ao cair do prédio onde moravam, em 1992, aos 21 anos."
Entrevista Completa, ::AQUI::

Aécio vem a São Paulo conter rebelião serrista

Posted: 16 Mar 2013 08:00 AM PDT


"Há três dias, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) vem tentando falar, sem sucesso, com José Serra; já deixou recados na sua caixa postal e não obteve retorno; por isso, virá a São Paulo no domingo ou na segunda para tentar um encontro pessoal; o ex-governador paulista, por sua vez, ameaça deixar o PSDB se não for contemplado com a presidência do partido e ameaça apoiar Eduardo Campos, do PSB, em 2014; será que ainda é possível costurar uma aliança entre os dois?


Já são quase 72 horas de espera. Na última quarta-feira, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) telefonou para o ex-governador paulista José Serra. Serra não atendeu nem retornou. Além disso, ontem, deu um ultimato ao PSDB: ou assume a presidência do partido, na eleição que ocorrerá em maio, ou deixa a legenda (leia mais aqui em reportagem anterior do 247). Além disso, Serra ameaça apoiar Eduardo Campos, do PSB, que vem exibindo musculatura, em suas reuniões políticas e com grupos empresariais. 
Mais informações »

Petrobras vai investir US$ 236,7 bilhões nos próximos cinco anos

Posted: 16 Mar 2013 07:45 AM PDT


Nielmar de Oliveira, Agência Brasil

"O Conselho de Administração da Petrobras aprovou o plano de negócios e gestão da empresa para o período 2013-2017 que prevê investimentos de US$ 236,7 bilhões. O volume é superior ao do plano anterior (2012-2016) de US$ 236,5 bilhões. O fato relevante sobre o novo plano de negócios e gestão foi divulgado no começo da noite de hoje (15).

A Petrobras informa que manteve no seu planejamento a continuidade do plano anterior, mantendo as metas de produção de óleo e gás natural; a não inclusão de novos projetos, exceto para exploração e produção de óleo e gás natural no Brasil; e a ampliação do escopo do Programa de Desinvestimentos (Prodesin).
Mais informações »

Charge do Bessinha

Posted: 16 Mar 2013 06:35 AM PDT


O dia em que o tucanato tremeu

Posted: 16 Mar 2013 06:28 AM PDT


"A entrada de Lula no xadrez eleitoral de 2014 tem o poder de redefinir todo o quadro eleitoral, mexendo com todas as principais peças do jogo

Lula Miranda, Brasil 247

Li, aqui mesmo no Brasil 247, que o PT em seu último programa de TV teria insinuado, ou "deixado no ar", a possibilidade do ex-presidente Lula sair candidato ao governo de São Paulo em 2014. Foi o que bastou para se ver tucano de alta plumagem tremer e esboçar aquele indisfarçável sorriso amarelo, sem graça. Foi o que bastou, por outro lado, para deixar os petistas alvoroçados, entusiasmados sentindo que o seu "Neymar" iria entrar em campo novamente – e para ganhar.
Mais informações »
You are subscribed to email updates from Brasil! Brasil!
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610



--
Francisco Almeida 




Postar um comentário