sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Via Email: BRASIL! BRASIL!: Os bilionários e a fome no mundo



BRASIL! BRASIL!


Posted: 15 Feb 2013 04:40 AM PST


Marcus Eduardo de Oliveira, Adital

"De acordo com o Índice de Bilionários da Bloomberg, o mexicano Carlos Slim, dono de negócios no ramo de telecomunicações em 18 países, com uma fortuna avaliada em US$ 78,4 bilhões, é o maior bilionário do planeta. Depois dele, vem o cofundador da Microsoft, o norte-americano Bill Gates, com fortuna de US$ 65,8 bilhões, seguido pelo espanhol Amancio Ortega, fundador do grupo têxtil Inditex, dono da marca Zara, com US$ 58,6 bilhões. A soma dessas três maiores fortunas atinge US$ 202,8 bilhões.

Pelo lado dos brasileiros, os quatro maiores bilionários são: Jorge Paulo Lemann, investidor controlador da Anheuser-Busch InBev, maior cervejaria do mundo, com fortuna avaliada em US$ 19,6 bilhões. Em segundo lugar vem o banqueiro Joseph Safra, com patrimônio de US$ 12 bilhões. O terceiro e quarto lugares, respectivamente, ficam com Dirce Camargo, herdeira do grupo Camargo Correa, com fortuna estimada em US$ 14,1 bilhões e, com o empresário Eike Batista, com fortuna avaliada em US$ 11,4 bilhões. A soma das fortunas desses quatro maiores bilionários brasileiros atinge a cifra de US$ 57,1 bilhões. Já a fortuna somada desses sete "imperadores do dinheiro" chega a US$ 259,9 bilhões.
Mais informações »
Posted: 14 Feb 2013 04:34 PM PST

Posted: 14 Feb 2013 04:41 PM PST
Bob Fernandes, Terra Magazine




Posted: 14 Feb 2013 04:27 PM PST


Eduardo Guimarães, Blog da Cidadania

"O ano nem bem começou e os brasileiros mais crédulos já acham que estão vivendo em um país à beira da ruína, com ao menos duas desgraças descomunais que o noticiário anuncia que estão prestes a se abater sobre suas vidas.

O país, segundo a mídia oposicionista, está para mergulhar em uma recessão sem precedentes por conta de um iminente racionamento de energia elétrica e, como se fosse pouco, está para ver seus rendimentos derreterem ao fim de cada mês por conta da volta da inflação.

Nem o ritmo magnífico de geração de empregos escapa de virar desgraça midiática, pois grandes veículos resolveram destacar, em vez do fato de que o mercado de trabalho brasileiro caminha na contramão do resto do mundo e abriga cada vez mais gente, que, em 2012, geramos menos empregos que nos anos anteriores.

Na seção de cartas de leitores do Estadão da quarta-feira de cinzas, leitores imbecilizados já afirmam que a década passada foi uma "década perdida" (?!), apesar de ter sido a década em que o Brasil mais progrediu em décadas."
Artigo Completo, ::AQUI::
Posted: 14 Feb 2013 04:15 PM PST


O logotipo proibido e Otavinho Vader,
 uma de nossas fotomontagens originais


Lino Bocchini, Desculpe a nossa falha

"O disputa jurídica Folha X Falha vai ser julgada em 2ª instância na próxima quarta-feira, dia 20 de fevereiro, pela 5ª turma de desembargadores do Tribunal de Justiça de São Paulo. Você pode se perguntar: "Ótimo, sorte pra vocês. Mas o que essa briga da Folha com a Falha tem a ver comigo?". Tudo. É fácil entender, por gentileza perca mais 2 minutos e leia esse texto até o final. Segundo o próprio juiz de 1ª instância, Gustavo Coube de Carvalho, trata-se de um caso sem precedentes no Brasil. Nunca antes um grande veículo conseguiu tirar do ar judicialmente um site ou blog que o criticasse. Na ausência de jurisprudência em solo nacional, o magistrado chegou a citar casos dos EUA –onde, aliás, paródias assim são permitidas.

A alegação central da empresa da família Frias é a de que a Falha fazia "uso indevido da marca", e que o logotipo e o nome registrado eram parecidos demais com os originais. Acontece que para toda blogosfera nacional, para organização Repórteres sem Fronteiras, pro relator da ONU para a liberdade de expressão, para o Financial Times e outros veículos internacionais de peso, pro Marcelo Tas, para deputados federais de 10 partidos, pro Gilberto Gil e até para Julian Assange, paródias e críticas como as feitas pela Falha não são motivo para censurar ninguém.

Há quase 100 anos, Barão de Itararé satirizou o jornal "A Manhã" criando a "A Manha". De lá pra cá dezenas de outros casos, no Brasil e no exterior, foram na mesma linha –lembra da "Bundas" de Zirado, que parodiava a "Caras"? E, desde os tempos do Barão de Itararé, ninguém censurou ninguém. Mas aí vieram os barões de Limeira."
Matéria Completa, ::AQUI::
Posted: 14 Feb 2013 04:05 PM PST



A Rede Globo fechou o ano de 2012 com a demissão de 243 radialistas e 42 jornalistas no Rio de Janeiro. E estas dispensas acontecem mesmo que a emissora tenha assinado acordo no Ministério Público do Trabalho que a obriga a contratar – entre fevereiro de 2012 e de 2013 – 150 jornalistas e radialistas para acabar com o excesso de horas extras – muito acima do limite legal — dos profissionais de suas redações.

O número de dispensas foi levantado pelo Sindicato dos Jornalistas do Município do Rio e pelo Sindicato dos Radialistas do Rio de Janeiro, através das rescisões homologadas. As duas entidades trabalham em conjunto e em contato com a Procuradoria do Trabalho, para que a emissora cumpra com o acordo.

Mais informações »
Posted: 14 Feb 2013 03:38 PM PST


Mariana Tokarnia, Agência Brasil

"O ano letivo começa hoje (14) em grande parte das escolas públicas do país. Junto com as aulas, tem início também o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (Pnaic). Ao todo, 4.997 municípios dos 26 estados mais o Distrito Federal concluíram o processo de adesão ao pacto até dezembro de 2012, o que representa 89,8% dos municípios do país. Outros 328 aderiram parcialmente, não concluíram o processo de adesão ou não se manifestaram. Apenas oito optaram por não firmar o acordo que tem como objetivo assegurar que todas as crianças estejam alfabetizadas até os 8 anos de idade, ao final do 3º ano do ensino fundamental.

Para que o Pnaic seja implementado, desde o anúncio do pacto, em novembro do ano passado, o Ministério da Educação (MEC) trabalha na formação de uma rede que envolve estados, municípios, universidades e escolas na capacitação, ensino e avaliação da fase que compreende o ciclo da alfabetização: 1º, 2º e 3º anos da educação básica."
Matéria Completa, ::AQUI::
Posted: 14 Feb 2013 03:04 PM PST


"Senador Pedro Taques (PDT-MT) baseou campanha a presidente do Senado em reputação ilibada, mas denúncia de prevaricação, associação e financiamento de campanha com recursos da chamada máfia dos combustíveis de seu Estado, ligações profissionais de sua mulher com entidade de donos de postos de gasolina, oposição ferrenha a programa de hidrovias e condenação de seu ex-segurança como fraudador ainda não foram suficientemente explicadas; será ele a versão 2013 do inesquecível paladino da ética às avessas?

Brasil 247

Carregar a bandeira da moralidade absoluta não é para qualquer um. O último que tentou fazer desse estandarte seu abre alas de apresentação perdeu a filiação partidária, o mandato de senador e não pode passear por um shopping center de grande cidade sem o risco de ser escorraçado: Demóstenes Torres, ex-DEM-GO, flagrado pela Operação Monte Carlo, da Polícia Federal, como principal braço político do contraventor Carlinhos Cachoeira.

Neste momento, uma dúvida assalta gabinetes bem aparelhados da política em Brasília. Será o senador de primeiro mandato Pedro Taques, do PDT do Mato Grosso, uma versão 2013 adaptada do modelo Demóstenes de fazer política até 2012?

A interrogação, em que pese a indignação ou euforia que possa causar, faz sentido. Igualmente, como Demóstenes, procurador da República antes de eleger-se senador, em 2010, Taques deve uma série de explicações sobre seu passado no cargo. Ele foi apontado pelo jornalista José Marcondes, de Cuiabá, como tendo desempenhado sua função em forte sintonia com o grupo que, ao ser parcialmente desbaratado, a Polícia Federal chamou de 'máfia dos combustíveis' no inquérito da Operação Tentáculos. Iniciada em 2001, essa ação policial causou a prisão de pelo menos oito pessoas em Mato Grosso."
Matéria Completa, ::AQUI::
Posted: 14 Feb 2013 06:43 AM PST

Posted: 14 Feb 2013 06:42 AM PST


Keila Jimenez, Folha de S. Paulo

"O Carnaval está perdendo o seu poder de sedução com os foliões do sofá, aqueles acompanham escolas de samba e trios elétricos somente pela televisão.

Segundo dados do Ibope, a transmissão do desfile das escolas de samba de São Paulo, na última sexta-feira, sofreu queda de 27% de audiência em relação ao ano anterior. A Globo registrou média de 8,3 pontos, ante 11,1 pontos no primeiro dia de folia em 2012. Cada ponto equivale a 62 mil domicílios na Grande SP.

No sábado, a queda foi menor: a Globo marcou 10,3 pontos, ante 11 pontos do desfile paulista no ano anterior.

A emissora também perdeu espectadores nos desfiles do Rio. O primeiro dia de transmissão das escolas de samba cariocas, no domingo, marcou 7,6 pontos de audiência, ante 8,3 pontos do desfile do ano passado. Na segunda-feira, o carnaval da Globo alcançou 9,3 pontos, média um pouco menor que a de 2012, que foi de 9,6 pontos.

SBT e Band também não cresceram em ibope com as transmissões da festa no Nordeste. A média de audiência das emissoras oscilou entre um e três pontos de audiência.

A RedeTV!, que vinha registrando média na casa do 0,7 ponto, marcou um ponto com os "Bastidores do Carnaval".
Posted: 14 Feb 2013 06:29 AM PST


Saul Leblon, Carta Maior / Blog das Frases

"Passados cinco anos de implosão da ordem neoliberal, o sistema capitalista está longe de dizer 'habemus papam'.

Entre a austeridade imposta à Europa e a liquidez contracíclica dos EUA, seus cardeais ora parecem hesitar, ora ganhar tempo.

Nesta 4ª feira (13), os dois lados da crise transatlântica convergiram para um meio fio que os elucida mais que todas as palavras e aparências.

A ideia é criar um grande 'nafta' europeu/norte-americano, 'equivalente à metade da produção mundial' (leia a reportagem de nosso correspondente em Londres, Marcelo Justo).

Labirínticos acordos de eliminação recíproca de tarifas e outras formas dissimuladas de protecionismo (legislações sanitárias, por exemplo) terão que ser vencidos para o desfecho da crise redundar nessa imensa 'pátria grande dos livres mercados'.
Mais informações »
Posted: 14 Feb 2013 06:02 AM PST
João Sicsú, CartaCapital

"Após dez anos de governos do PT, pode-se detectar uma importante melhora no perfil da distribuição da renda no País. Não vivemos em nenhum paraíso. Muito longe disso. Mas, em contrapartida, a situação é muito melhor que a do final dos anos 1990 e início dos anos 2000.

 O índice de Gini foi reduzido. Este índice mede a distribuição da renda e varia entre 0 e 1. Quanto mais próximo de 1, maior a desigualdade e quanto mais próximo de zero, maior a igualdade. O Gini brasileiro caiu de 0,585, em 1995, para 0,501, em 2011. Contudo, este é um número que ainda está distante dos índices de países tais como França (0,308) ou Suécia (0,244).
Mais informações »
Posted: 14 Feb 2013 05:13 AM PST


"Ministério Público denunciou 72 estudantes por diversos crimes pela ocupação da reitoria da Universidade de São Paulo. Para colunista, decisão do órgão deve ser questionada em cortes internacionais

Carlos Lungarzo, Congresso em Foco

Acabo de ler o excelente artigo do escritor Celso Lungaretti em seu blog O Náufrago da Utopia, no link.

Peço a todos os que concordam com democracia, direitos humanos e prevenção da barbárie distribuir em todas suas redes sociais, mailings e sistemas próprios de comunicação, a cópia do post original, que inclui também uma declaração do combativo Sindicato dos Trabalhadores da Universidade de São Paulo (SINTUSP) contra a política de extermínio e "terra queimada", aplicada no Estado de São Paulo pelas forças mais reacionárias que atualmente têm presença no Continente, ou seja: o governo do Opus Dei e o mais iníquo tribunal do Ocidente desde 1975 (quando o privilégio correspondia a Audiência Nacional da Espanha).

Nesse artigo tanto o SINTUSP como o próprio escritor Lungaretti denunciam que agentes do Ministério Público pretendem o enquadramento criminal de 72 estudantes que ocuparam pacificamente as instalações da USP para protestar contra a crescente brutalização da instituição e a submissão da comunidade a um clima de espionagem, delação, vigilância, repressão e policiamento.

Este processo encabeçado pelas forçar progressistas da USP é parecido, porém não idêntico, ao movimento de repressão contra a Rosa Branca (Weisse Rose), que se manteve ativo desde junho de 1942 até Fevereiro de 1943, na Universidade de Munique, Bavária, Alemanha."
Artigo Completo, ::AQUI::
You are subscribed to email updates from Brasil! Brasil!
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610



--
Francisco Almeida / (91)81003406
Postar um comentário