terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Via Email: BRASIL! BRASIL!



BRASIL! BRASIL!


Posted: 05 Feb 2013 04:29 AM PST


"Folha noticia como manchete que nova direção da Câmara, comandada por Henrique Alves, irá desobedecer o STF; ocorre que os deputados alegarão obediência ao artigo 55 da Constituição, que diz que quem cassa parlamentares, como José Genoino, é o parlamento; o que Joaquim Barbosa e Celso de Mello farão? Vão mandar a polícia invadir a Câmara? Afinal, o Brasil é uma democracia ou uma supremocracia?

Brasil 247

O deputado federal José Genoino (PT-SP) não será cassado. Ponto. Assim como também não serão cassados os deputados João Paulo Cunha (PT-SP), Valdemar Costa Neto (PR-SP) e Pedro Henry (PP-PR). A menos, é claro, que seus pares na Câmara dos Deputados queiram cassá-los. Os quatro foram condenados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no julgamento da Ação Penal 470, o chamado "mensalão".

Esta mensagem ficou clara no discurso da vitória de Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), eleito nesta segunda-feira 4 novo presidente da Câmara dos Deputados, mas foi noticiada como desobediência na manchete principal dos jornais Folha de S.Paulo e O Estado de S.Paulo desta terça-feira.

"Eu já falei sobre isso. Essa é a lógica da Câmara", reafirmou ontem o deputado, ao ser questionado sobre o assunto. Numa entrevista à Folha concedida há um mês, ele já havia deixado claro que a palavra final era do Legislativo, como determina o artigo 55 da Constituição Federal. "A Constituição é clara", disse ele. E, por isso, cada poder deve ficar "no seu pedaço", acrescentou."
Matéria Completa, ::AQUI::
Posted: 05 Feb 2013 04:16 AM PST


"Comissão da Verdade revela que norma de Médici impedia agentes públicos de dar esclarecimentos a órgãos no País e no exterior

Roldão Arruda, O Estado de S.Paulo

A Comissão da Verdade revelou nesta segunda-feira, 4, que o governo militar determinou a todos os agentes públicos no Brasil e no exterior, a partir de 1972, que não atendessem a nenhum pedido de esclarecimento de organizações nacionais e internacionais sobre mortos e desaparecidos em consequência da repressão.

A determinação foi feita por escrito: saiu do gabinete do presidente da República, general Emílio Garrastazu Médici, e foi assinada pelo secretário-geral do Conselho de Segurança Nacional, o também general João Baptista de Oliveira Figueiredo, que viria a ser o último presidente do regime anos depois.
Mais informações »
Posted: 04 Feb 2013 04:24 PM PST


"Tema, no entanto, sequer foi lembrado pelo novo presidente da Câmara em seu discurso; relator almeja aprovação já no primeiro semestre


Concluído o processo de escolha do novo presidente da Câmara, com a eleição hoje (4) do deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), o PT, com o apoio da maior parte dos deputados dos partidos da base aliada, tentará finalmente emplacar o projeto de reforma política. A ideia é aproveitar o momento de força política do aliado recém-eleito para aprovar ainda no primeiro semestre uma reforma que não será ampla, mas conterá um ponto considerado fundamental: o fim do financiamento privado das campanhas eleitorais. Durante a campanha, Alves se comprometeu com o PT a fazer avançar essa agenda, e agora os petistas pretendem cobrar o cumprimento do compromisso.
Mais informações »
Posted: 04 Feb 2013 04:08 PM PST

Posted: 04 Feb 2013 03:59 PM PST


"Na mensagem anual ao Congresso, que, portada pela ministra Gleisi Hoffmann, foi lida nesta segunda-feira, presidente diz que faz questão de registrar seu "sincero reconhecimento ao imprescindível papel do Congresso Nacional", um "parceiro crítico" em 2012; afago à classe política é feito após a eleição dos peemedebistas Renan Calheiros e Henrique Eduardo Alves para a presidência do Senado e da Câmara, após serem alvos de denúncias na imprensa; discurso ocorreu durante a sessão de abertura dos trabalhos do Legislativo, nesta tarde

Jeferson Ribeiro, Reuters / Brasil 247

A presidente Dilma Rousseff considera que a atividade política tem sido "vilipendiada" e dirá em sua mensagem anual ao Congresso, nesta segunda-feira, que sabe os riscos da dissociação "entre técnica e política", reconhecendo o "imprescindível papel" do Parlamento.

O afago da presidente aos congressistas ocorre pouco mais de um mês depois do julgamento pelo Supremo Tribunal Federal (STF) do mensalão, esquema de compra de apoio político no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Entre os condenados, estão o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, e o ex-presidente do PT deputado José Genoino (PT-SP).

A declaração da presidente coincide ainda com a eleição de Renan Calheiros (PMDB-AL) para presidir o Senado, mesmo depois que a Procuradoria-Geral da República (PGR) apresentou uma denúncia ao STF contra o parlamentar. Na Câmara, o deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) também venceu a disputa para comandar a Casa, apesar de ser alvo de denúncias na mídia."
Matéria Completa, ::AQUI::
Posted: 04 Feb 2013 03:03 PM PST
Posted: 04 Feb 2013 07:25 AM PST


Altamiro Borges, Blog do Miro

"Roberto Irineu, João Roberto e José Roberto, herdeiros do império das Organizações Globo, não têm o que reclamar dos governos Lula e Dilma. Eles ganharam muita grana neste período e só fazem oposição raivosa por razões políticas, de classe. Após quase dez anos de ausência na lista dos bilionários da revista Forbes, a família Marinho voltou a ocupar posição de destaque no ranking mundial. Segundo a publicação, os filhos de Roberto Marinho acumulam fortunas individuais próximas de 5 bilhões de dólares.
Mais informações »
Posted: 04 Feb 2013 07:16 AM PST


Gilberto Costa, EBC / Abr

"Entre as cinco maiores economias emergentes, o Brasil foi a que mais diminuiu a desigualdade socioeconômica nas últimas duas décadas. A conclusão consta de estudo comparativo, feito no ano passado com base em dados secundários (de organismos multilaterais internacionais como as Nações Unidas e o Banco Mundial) e publicado pelo Observatório das Desigualdades da Universidade de Lisboa.

Segundo a autora do estudo, Maria Silvério (mestranda em antropologia na área de migrações, globalização e multiculturalismo no Instituto Universitário de Lisboa), o Brasil é, entre os países do Brics (grupo formado pelo Brasil, a Rússia, Índia, China e África do Sul), o único que "conseguiu diminuir consideravelmente a desigualdade de renda nos últimos 20 anos, saindo de um [coeficiente de] Gini de 0,61 em 1990 para 0,54 em 2009". No índice (um dos mais usados para comparações socioeconômicas entre países), criado pelo estatístico italiano Corrado Gini,  zero representa a igualdade total de renda.
Mais informações »

Posted: 04 Feb 2013 07:05 AM PST


Larry Fine, Reuters

"O Super Bowl, maior evento esportivo do calendário norte-americano, foi interrompido por 35 minutos na noite de domingo em consequência de um apagão no estádio Superdome, em Nova Orleans.

A empresa de energia elétrica Entergy Corp. disse que aparentemente houve uma sobrecarga elétrica no estádio, derrubando propositalmente o circuito "a fim de isolar o problema". O defeito, de origem desconhecida, teria ocorrido no local onde a rede da Entergy se conecta aos equipamentos do Superdome.

O Super Bowl é a final na NFL (liga de futebol americano dos EUA). O incidente ocorreu logo depois do intervalo do jogo, quando a cantora Beyoncé se apresentou sob forte iluminação. A equipe do Baltimore Ravens vencia o San Francisco 49ers por 28 x 6 quando o placar e metade dos refletores se apagaram.
Mais informações »
Posted: 04 Feb 2013 06:37 AM PST


Freire e Serra migraram da
esquerda para a ultradireita
Altamiro Borges, Correio do Brasil

"O deputado Roberto Freire, chefão do PPS, é a expressão mais escancarada do servilismo na política nacional. Desde a sua conversão ao neoliberalismo, com o fim do bloco soviético, ele se tornou um "pau mandado" da direita nativa, com generosos espaços na mídia. Ele hoje é mais serrista do que o próprio José Serra e transformou seu partido num apêndice do PSDB. Na semana passada, sem se olhar no espelho, ele esbravejou contra Ruy Falcão, presidente do PT: "É lamentável que ele seja pau mandado do José Dirceu".

O motivo da agressão é que o dirigente petista criticou a partidarização da mídia – o que já foi reconhecido até pela ex-presidente da Associação Nacional dos Jornais (ANJ), Judith Brito. Num linguajar típico dos fascistóides da Veja, Roberto Freire saiu em defesa dos barões da mídia. "Se não existisse a imprensa para dar a conhecer à sociedade todas as malfeitorias do governo lulopetista, eles já teriam implantando um regime antidemocrático no qual só valeriam as suas opiniões", afirmou, segundo registro do sítio do PPS.

Freire também ficou indignado com as críticas de Ruy Falcão ao procurador-geral da República, Roberto Gurgel, que tem ocupado cada vez mais o papel de ícone da oposição de direita. Acostumado a abanar o rabo diante de Serra e de outros tucanos, Freire afirmou que o presidente do PT "só criticou o procurador porque o Zé Dirceu mandou". O PPS foi um dos partidos que encaminhou no mês passado representação à Procuradoria-Geral da República (PGR) exigindo investigações contra o ex-presidente Lula.


As declarações agressivas e destemperadas de Roberto Freire só confirmam que a situação da oposição de direita no país é cada vez mais delicada. A sua valentia não demonstra força. Pelo contrário, revela fraqueza e desespero. Nas eleições de outubro passado, o PPS voltou a encolher. Na comparação com o pleito de 2008, ele perdeu 298 vereadores e 15 prefeituras. Sob o comando do caudilho, a legenda afunda e caminha para a extinção. O eleitor tem sido muito duro com a sigla do "pau mandado" da direita.."
Posted: 04 Feb 2013 06:02 AM PST

Posted: 04 Feb 2013 05:52 AM PST


Folha de S. Paulo

"O governo começará nas próximas semanas o processo que resultará na maior licitação do setor de telecomunicações brasileiro, a da frequência de 700 MHz.

Estimada em R$ 40 bilhões, a licitação tem como objetivo acelerar a implantação da internet móvel de quarta geração, ou 4G -cuja velocidade é 30 vezes a da 3G, tecnologia atual.

Hoje, as teles podem usar outra frequência de 4G, a de 2,5 GHz, licitada em junho de 2012 por R$ 2,9 bilhões.

A frequência de 700 MHz é cobiçada pelo setor de telefonia por possuir um alcance maior e, com isso, exigir um número menor de antenas.
Para o usuário final, a licitação também possibilitará o uso de diversos equipamentos nos quais o 4G só funciona na frequência de 700 MHz."
Matéria Completa, ::AQUI::
You are subscribed to email updates from Brasil! Brasil!
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610



--
Francisco Almeida / (91)81003406
Postar um comentário