quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Re: BRASIL! BRASIL!



Em 13 de dezembro de 2012 10:19, Brasil! Brasil! <anfenoju@gmail.com> escreveu:


BRASIL! BRASIL!


Posted: 13 Dec 2012 05:05 AM PST

Ascom/OM/Apio Gomes / Portal PDT

"Um novo caminho para fraudar as eleições informatizadas brasileiras foi apresentado ontem (10/12) para as mais de 100 pessoas que lotaram durante três horas e meia o auditório da Sociedade de Engenheiros e Arquitetos do Rio de Janeiro (SEAERJ), na Rua do Russel n° 1, no decorrer do seminário "A urna eletrônica é confiável?", promovido pelos institutos de estudos políticos das seções fluminense do Partido da República (PR), o Instituto Republicano; e do Partido Democrático Trabalhista (PDT), a Fundação Leonel Brizola-Alberto Pasqualini.

Acompanhado por um especialista em transmissão de dados, Reinaldo Mendonça, e de um delegado de polícia, Alexandre Neto, um jovem hacker de 19 anos, identificado apenas como Rangel por questões de segurança, mostrou como -- através de acesso ilegal e privilegiado à intranet da Justiça Eleitoral no Rio de Janeiro, sob a responsabilidade técnica da empresa Oi – interceptou os dados alimentadores do sistema de totalização e, após o retardo do envio desses dados aos computadores da Justiça Eleitoral, modificou resultados beneficiando candidatos em detrimento de outros - sem nada ser oficialmente detectado.
Mais informações »

Posted: 12 Dec 2012 04:22 PM PST

Posted: 12 Dec 2012 04:17 PM PST


"Não estou acostumado a ter medo.
Durante toda minha vida vivi em crise.
Sou de um terra que se até 5 anos e idade
você não morreu de fome é um milagre" ,
diz Lula em visita com Dilma a Paris. "
Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula

Gianni Carta, CartaCapital


"Luiz Inácio Lula da Silva fez um de seus mais primorosos discursos hoje à noite, quarta-feira 12, na Fundação Jean-Jaurès, em Paris, onde, em parceria com o Instituto Lula, foi organizado o "Fórum pelo Progresso Social: o Crescimento como Saída da Crise".

O presidente francês François Hollande e a presidenta Dilma Rousseff, esta em sua primeira visita de Estado à França, abriram o fórum, mas foi Lula quem fez o último discurso.

Humor não escasseou na fala do ex-presidente.

"É a primeira vez que pessoas secundárias fazem o discurso final", disse Lula referindo-se ao discurso a anteceder o seu do ex-premier socialista Lionel Jospin.
Mais informações »
Posted: 12 Dec 2012 03:56 PM PST
Marcos Valério em sua época mais reluzente.

Paulo Nogueira, Diário do Centro do Mundo


"E lá vem ele de novo, Marcos Valério.

Pobre leitor.

Mais uma vez, o que é apresentado – a título de "revelações" – é um blablablá conspiratório e repetitivo em que não existe uma única e escassa evidência.

Tudo se resume às palavras de Marcos Valério. Jornalisticamente, isso é suficiente para você publicar acusações graves?

Lula já não é apenas o maior corrupto da história da humanidade. Está também, de alguma forma, envolvido num assassinato. Chamemos Hercule Poirot.

Se você pode publicar acusações graves sem provas, a maior vítima é a sociedade. Não se trata de proteger alguém especificamente. Mas sim de oferecer proteção à sociedade como um todo."
Artigo Completo, ::AQUI::
Posted: 12 Dec 2012 03:22 PM PST


Lula e Dilma ontem em Paris.
(Foto: Ricardo Stuckert)

Ricardo Kotscho, Balaio do Kotscho

"Julgamento do mensalão, Operação Porto Seguro e agora o vazamento na imprensa de novo depoimento feito à Procuradoria-Geral da República por Marcos Valério, réu condenado a 40 anos de prisão: a ofensiva contra o ex-presidente Lula não tem mais limites, é uma guerra sem quartel, sem data para acabar.
Em texto publicado aqui mesmo no Balaio no último dia 2 de novembro, eu já previa: "O alvo agora é Lula na guerra sem fim".

Não bastava condenar os dirigentes do PT acusados no processo do mensalão. O objetivo maior era demolir a imagem do principal líder do partido que completa dez anos no governo central agora em janeiro.

Os antigos donos do poder simplesmente não se conformam de ter perdido o controle do país depois de 500 anos de dominío.
Mais informações »

Posted: 12 Dec 2012 02:33 PM PST



Luiz Gonzaga Belluzzo, CartaCapital

"Arrisco a dizer: o relatório Levenson é a mais corajosa e serena crítica aos abusos e malfeitos da mídia contemporânea. O relatório é tão destemido em sua ousadia como a Areopagítica de John Milton ao pregar a liberdade de impressão em 1644, no auge da Revolução Inglesa. Milton resistia a Cromwell e à reintrodução da "licença de ­publicação", hoje conhecida como censura prévia.

Esta edição de CartaCapital também corajosamente disseca os pontos mais importantes do relatório. Não vou repetir a narração dos fatos, exaustivamente tratados nas cinco páginas anteriores. Peço, no entanto, licença ao leitor para reproduzir argumentos que já esgrimi nos anos 1990 a respeito das diferenças entre liberdade de expressão e liberdade de imprensa.

Vou começar com Paul Virilio, importante pensador francês da atualidade. Ao analisar as transformações do papel dos meios de comunicação na moderna sociedade capitalista de massa, Virilio chegou a uma conclusão tão óbvia para os cidadãos de boa-fé quanto negada pelos senhores do aparato midiático. A mídia, diz ele, é o único poder que tem a prerrogativa de editar as próprias leis, ao mesmo tempo que sustenta a pretensão de não se submeter a nenhuma outra. Mas a liberdade de expressão não se esgota na liberdade de imprensa. A liberdade de imprensa só se justifica enquanto realização da liberdade de expressão dos cidadãos livres e iguais, os legítimos titulares do sagrado e inviolável  direito à opinião livre e desimpedida.
Mais informações »

Posted: 12 Dec 2012 01:53 PM PST



"Celso de Mello alegou problema de saúde para não comparecer à sessão do Supremo desta quarta-feira; ministro mais antigo da corte, ele foi surpreendido com a descoberta de um voto seu sobre questão idêntica à que seria tratada hoje e poderia determinar a cassação de três parlamentares: João Paulo Cunha, Valdemar Costa Neto e Pedro Henry; há 17 anos, ele votou que a cassação de mandato de parlamentares, no caso um vereador, tem "efeito exclusivo de deliberação tomada pelo voto secreto e pela maioria absoluta dos membros de sua própria Casa Legislativa"; era, dizia Celso de Mello, uma importante garantia constitucional


A decisão sobre a perda de mandato dos três deputados condenados na Ação Penal 470 deve demorar pelo menos mais um dia para sair. Único ministro que ainda não votou sobre o tema no julgamento -- que tem a discussão empatada em 4 a 4 --, o decano Celso de Mello alegou problemas de saúde para não comparecer à sessão desta quarta-feira. Diante da ausência, o presidente da Corte, Joaquim Barbosa, decidiu adiar a sessão do julgamento do mensalão e julgar outras questões.

Na última sessão do julgamento, realizada na segunda-feira passada, Mello se colocou ao lado dos ministros que defenderam que a suspensão dos direitos políticos, decretada pelo STF, tem como decorrência natural a perda do mandato. Suas intervenções na discussão deram a entender que ele acompanharia o presidente da Corte e relator do processo, Joaquim Barbosa, mas Mello não chegou a votar sobre o tema.
Mais informações »

Posted: 12 Dec 2012 06:35 AM PST

Posted: 12 Dec 2012 06:32 AM PST

'A esquerda tem de se mobilizar, responder de pronto as acusações, muitas delas distorcidas e manipuladas pela imprensa, que, de forma surreal, assumiu a condição de oposição política e partidária ao Governo trabalhista e ao PT


Davis Sena Filho, Brasil 247

Creio que o esporte mais em evidência no Brasil é o tiro ao alvo. Esse esporte praticado por pessoas endinheiradas não acontece nos estandes de tiro, como deveria ser, mas nas páginas e nas telas de uma imprensa das mais reacionárias do mundo cujos proprietários representam o que há de mais atrasado no planeta, no que tange a seus princípios políticos e ideológicos, que leva esse segmento de direita a combater os políticos e as autoridades pertencentes ao campo da esquerda e que há dez anos ocupam a cadeira da Presidência da República e nomeiam os ministros de cada pasta ministerial.

Como é visível e transparente a decadência política de partidos conservadores como o PSDB cujos aliados DEM e PPS são partidos quase nanicos e praticamente inexpressivos eleitoralmente, com exceção da vitória de ACM Neto em Salvador e que foi ao Palácio do Planalto pedir dinheiro à presidenta trabalhista Dilma Rousseff, a solução para enfrentar o Governo Federal e o Partido dos Trabalhadores (PT) foi transferir a responsabilidade de fazer oposição aos barões da imprensa, que controlam, com mão de ferro, o segmento econômico midiático privado.
Mais informações »

Posted: 12 Dec 2012 06:03 AM PST



Altamiro Borges, Blog do Miro

"Reportagem do Estadão de hoje confirma, até para os mais ingênuos, que a direita midiática e partidária não vai recuar um milímetro na sua ofensiva para desconstruir a imagem de Lula – e para, logo na sequência, bombardear a presidenta Dilma. Ela teve como base um depoimento prestado por Marcos Valério, em 24 de setembro último, à Procuradoria-Geral da República, que "vazou" no jornal da famiglia Mesquita. Nela o publicitário afirma que pagou "despesas pessoais" do ex-presidente Lula e que sofreu "ameaças de morte".

Ainda segundo o sinistro depoimento, prestado após o empresário ser condenado a 40 anos de prisão pelo Supremo Tribunal Federal, Lula teria dado aval aos empréstimos que irrigaram o "mensalão" que comprou deputados da base aliada do seu governo. Marcos Valério fez as novas denúncias às procuradoras Raquel Branquinho e Cláudia Sampaio - esta última mulher de Roberto Gurgel, procurador-geral da República. Com isto, ele tentou ser incluído no programa de proteção a testemunhas para reduzir a sua pena.
Mais informações »
Posted: 12 Dec 2012 05:22 AM PST

Vladimir Platonow, Agência Brasil

 
"Nos últimos dez anos, as capitais brasileiras vêm perdendo participação no total da economia do país, ao mesmo tempo em que municípios menores apresentam ganhos de renda. A informação faz parte da pesquisa Produto Interno Bruto (PIB) dos Municípios, divulgada hoje (12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O levantamento é referente a 2010, quando o PIB cresceu 7,5% em relação ao ano anterior, tendo alcançado um valor de R$ 3,770 trilhões. Foram analisados todos os 5.565 municípios do país. A pesquisadora do IBGE Sheila Zani, responsável pela pesquisa, disse que existe um movimento de mudança na produção de riquezas, que é lento e se faz notar em um período maior de tempo.
Mais informações »

You are subscribed to email updates from Brasil! Brasil!
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610



--
Francisco Almeida / (91)81003406
Postar um comentário