quinta-feira, 13 de junho de 2013

Via Email: BRASIL! BRASIL!: Por que levam coquetéis molotov a “manifestações pacíficas”?


BRASIL! BRASIL!


Charge do Bessinha

Posted: 12 Jun 2013 05:59 PM PDT


Por que levam coquetéis molotov a "manifestações pacíficas"?

Posted: 12 Jun 2013 05:58 PM PDT


Eduardo Guimarães, Blog da Cidadania

"Permanece um mistério o que está por trás das "manifestações pacíficas" que desde o aumento do transporte público em São Paulo vêm espalhando pânico e violência pelas ruas da cidade enquanto se dizem vítimas de "agressão da Polícia".

Como já fora previsto neste espaço, a radicalização do movimento vai se intensificando. Se na manifestação da semana passada foram quebradas, segundo os defensores desses atos, "apenas algumas janelas", desta vez os atos danificaram pele, músculos, ossos e fizeram jorrar sangue.

Além de a integridade física das pessoas ter sido colocada em risco, patrimônio público e privado foi alvo de depredação bem maior. Ônibus foram queimados, veículos particulares foram depredados e até uma instalação do Partido dos Trabalhadores foi atacada.

Os manifestantes, porém, não se valeram só de paus e pedras. As imagens que se espalham pela mídia mostram incêndios enormes em vias públicas. Ora, como é que se ateia fogo a um ônibus ou a uma barricada formada por todo tipo de material? Com um isqueirinho Bic?"
Artigo Completo, ::AQUI::

Morgan repete alemães: Brasil vai bem

Posted: 12 Jun 2013 05:43 PM PDT


Fernando Brito, Tijolaço

"Enquanto a nossa mídia aqui pinta o caos econômico, o pessoal da grana lá fora começa a se manifestar e dizer: opa, estão indo "longe demais", com essa história.

Depois dos alemães do Deutsche Bank, ontem foi a vez do JP Morgan, a partir de um relatório feito pelo seu parceiro Gávea Investimentos – dirigido por ninguém menos que o ex-presidente do BC na gestão FHC, Armírio Fraga -dizer que as oportunidades de ganhos no Brasil continuam boas, sobretudo pelo potencial de consumo.

Diz ele, segundo o Estadão:

""Estamos vendo criação de riquezas", disse Chris Meyn, sócio na Gávea Investimentos, que é controlada pelo JP Morgan. "A classe média é robusta e há crédito." Diante disso, a Gávea tem uma visão positiva de empresas expostas a consumidores, em especial de setores como vestuário e cosméticos, comentou Meyn."

E este não é o único exemplo.

Domingo, Miriam Leitão pintou um quadro trágico na área de petróleo. Diz que "desde que o ex-presidente Lula anunciou a autossuficiência energética do país, ela nunca esteve tão distante".

Hoje, a Agência Internacional de Energia divulgou que espera que o ano termine com uma produção recorde de 2,35 milhões de barris diários e aponta as paradas de manutenção – necessárias à segurança dos poços – como razão de uma queda temporária do volume extraído no país.

O mais incrível, porém, é que é preciso que alemães e americanos venham dizer que "estão pegando pesado" com o clima econômico brasileiro.

Os nossos mídio-economistas têm olhos de madrasta – perdoem-me as madrastas pela expressão  - para como Brasil."

Nada a fazer, tudo a fazer

Posted: 12 Jun 2013 05:25 PM PDT


Jnowden e Manning contra a arrogância do poder

Mauro Santayana, Jornal do Brasil

"O mundo não conseguiu ainda sair do espanto causado pelas revelações do soldado Bradley Manning – cujo julgamento por traição começou há dias – e uma denúncia ainda mais grave   foi encaminhada ao Guardian pelo ex-técnico da CIA Edward Snowden. O denunciante era, até o dia 20 de maio, um dos maiores especialistas em segurança de informações da Booz Allen, contratada pelo governo norte-americano para assessorar a NSA (Agência Nacional de Segurança).

De acordo com os documentos oficiais, filtrados por Snowden, e não desmentidos, Obama determinou a invasão dos sistemas de comunicação eletrônicos do mundo inteiro – também  no próprio território norte-americano. Os meios técnicos permitem aos invasores capturar mensagens e documentos, apagar, reescrever, reendereçar emails. Mais ainda: os hackers oficiais poderão intervir no sistema de comandos dos computadores. Em tese, e de acordo com a tecnologia disponível, serão capazes de alterar a rota dos aviões, provocar incidentes militares nas fronteiras, falsificar telegramas diplomáticos, de forma a intrigar governos contra governos.
Mais informações »

Dilma: especulação sobre volta da inflação é 'leviandade política'

Posted: 12 Jun 2013 04:34 PM PDT


Segundo a presidenta, o governo tem
todas as condições para impedir que a
inflação fuja do controle

"Presidenta criticou o pessimismo dos 'velhos do Restelo', que, segundo ela, criam especulações graves contra o país

Júlia Rabahie, RBA

Em anúncio de nova linha de crédito especial para a aquisição de móveis e eletrodomésticos por beneficiários do programa Minha Casa, Minha Vida, a presidenta Dilma Rousseff voltou a criticar hoje (12) "aqueles que apostaram" na hipótese de que o governo não teria mecanismos de controle e combate à inflação e aqueles que especularam sobre possibilidade de racionamento energético no início do ano.

"Quando disseram que teríamos problemas grave de energia que poderia levar a um racionamento foi uma leviandade política, o que é grave, pois a leviandade política não afeta a uma pessoa, mas a um país. O governo tem todas as condições para impedir que a inflação fuja ao controle", afirmou.
Mais informações »

Alunos frequentam aula vestindo saia para protestar contra preconceito

Posted: 12 Jun 2013 03:59 PM PDT


Alunos frequentam aula vestindo saia para protestar contra preconceito. (Foto: Marcelo Camargo/ABr)

"Estudantes de colégio particular em SP usam saia para protestar. A ação foi em protesto contra preconceito de que teriam sido vítimas dois estudantes


Cerca de 50 alunos, entre meninos e meninas, vestiram saia hoje (10) para assistir às aulas no colégio particular Bandeirantes, uma instituição tradicional da zona sul da capital paulista. A ação foi em protesto contra preconceito de que teriam sido vítimas dois estudantes, na semana passada.

Na quinta-feira (6), o aluno João Fraga, 16 anos, vestiu-se com roupas femininas para a festa junina do colégio. Segundo os estudantes, porém, João teria sido repreendido pelo professor de biologia Juvenal Shalch, que teria pedido ao aluno para que se retirasse da sala e trocasse de roupa. Posteriormente, Shalch teria comentado com outros colegas da turma que João confundiu a festa caipira da escola com a Parada Gay, que ocorreu no domingo (2) em São Paulo.
Mais informações »

Charge do Bessinha

Posted: 12 Jun 2013 08:22 AM PDT


A herança pesada de Roberto Gurgel ao Ministério Público

Posted: 12 Jun 2013 08:21 AM PDT



"Os embates entre o Procurador Geral da República Roberto Gurgel e a subprocuradora Deborah Duprat são o desfecho das distorções que acometem o instituto da Procuradoria Geral e o próprio Ministério Público Federal nos últimos anos.
Não há comparação - em termos de respeitabilidade jurídica - entre Deborah e Gurgel. Deborah é uma pensadora; Gurgel, um burocrata. 

 Como não há entre os antecessores - Antonio Fernando de Souza e Cláudio Fontelles - e o próprio Gurgel.

Este se fez dentro da burocracia do Ministério Público Federal, atuando politicamente e conquistando apoios muito mais pela capacidade interna de compor interesses e espalhar simpatia do que efetivamente pela preocupação da classe dos procuradores com a representação máxima do MPF.
Mais informações »

O preço da passagem e o protesto que parece não ter fim

Posted: 12 Jun 2013 08:12 AM PDT


Manifestante são alvos de chuva
de bombas da PM (Foto: Mídia Ninja)

"Milhares de pessoas caminharam por mais de cinco horas pelas principais vias da cidade, foram alvo de violência da PM e pararam São Paulo

Igor Carvalho, Revista Fórum

O terceiro protesto contra o aumento das passagens, em São Paulo, já caminhava para três horas de duração. Eram 19h50. Os 12 mil manifestantes, segundo os organizadores, que aceitavam pacificamente os destinos traçados pela Polícia Militar (PM) durante o ato, decidiram que queriam terminar a manifestação dentro do Terminal Parque Dom Pedro II. A PM impediu, da forma mais violenta possível.

Naquele momento os manifestantes já tinham marchado pelas principais vias de São Paulo mais de 8 quilômetros. Os ativistas partiram da praça dos Cliclistas, na avenida Paulista, atravessaram a rua da Consolação, entraram no túnel que dá acesso à avenida 23 de Maio e quando queriam seguir para a Radial Leste, aceitaram pacificamente a instrução da PM, que lhes pediu para ir pela avenida Liberdade. Do bairro oriental, os ativistas caminharam até a praça João Mendes e desceram a Rangel Pestana até o Terminal Parque Dom Pedro II, local do confronto.

O governador Geraldo Alckmin já havia dado uma declaração à Rádio França Internacional (RFI), em Paris, onde sinalizava sobre a postura que seria adotada por seu governo durante os protestos. O mandatário afirmou que bloquear vias é "caso de Polícia." Uma das representantes do Movimento Passe Livre,  Mayara Vivian, respondeu à Alckmin. "O lado dele é claro, ele defende os empresários e fará de tudo para nos criminalizar, inclusive mandar uma polícia repressora e racista aqui."
Artigo Completo, ::AQUI::

Brasil está entre países que alcançaram metas internacionais contra a fome

Posted: 12 Jun 2013 06:58 AM PDT


Agência Lusa / Abr
 
"Angola, Brasil e São Tomé e Príncipe estão entre os trinta e oito países que cumpriram os objetivos estabelecidos internacionalmente na luta contra a fome, antecipando o prazo fixado para 2015, anunciou hoje a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO).

De acordo com a FAO, vinte países já cumpriram o Objetivo de Desenvolvimento do Milênio número 1 (ODM-1), reduzindo pela metade a proporção de pessoas que sofrem de fome, segundo critério estabelecido pela comunidade internacional na Assembleia Geral da ONU em 2000.

Os países que já alcançaram o ODM-1 foram: Brasil, Angola, Argélia, Bangladesh, Benim, Camboja, Camarões, Chile, República Dominicana, Ilhas Fiji, Honduras, Indonésia, Jordânia, Malaui, Maldivas, Níger, Nigéria, Panamá, Togo e Uruguai.
Mais informações »

Em fórum de cidades, Tarso afirma que neoliberalismo destrói a dignidade da política

Posted: 12 Jun 2013 06:53 AM PDT


Abertura do 3º Falp teve discursos firmes
contra o neoliberalismo, iniciados pelo prefeito
de Canoas / Secom/Canoas

"Para o governador gaúcho, endividamento público foi utilizado para prender o Estado ao mercado financeiro e desacreditar a prática política e dos partidos

Rodrigo Gomes, RBA

"O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro (PT), afirmou na noite de ontem (11) que é preciso enfrentar o controle do espaço político pelo capital financeiro.

"Devemos derrotar o projeto neoliberal, que retira a dignidade da política, submetendo os sujeitos estatais à sua lógica e destruindo as conquistas que a sociedade moderna conseguiu ao longo das lutas sociais", disse, na abertura do 3º Fórum Mundial de Autoridades Locais de Periferia (Falp), em Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre.

"Esse capital capturou as funções do Estado e submeteu-o aos seus interesses. Ao longo dos anos 90 o Estado foi perdendo a função de desenvolver políticas públicas através da escravização pela dívida pública. Esse processo tem mandatários que têm identidade, endereço e são parte do sistema mundial", explicou.
Mais informações »

Dilma anuncia novo pacote fiscal até sexta

Posted: 12 Jun 2013 05:29 AM PDT


"Medidas para reforçar contas públicas incluem o contingenciamento de despesas orçamentárias, o anúncio de uma meta crível de superávit primário para o ano, além de usar R$ 10 bilhões a R$ 15 bilhões que serão arrecadados com o bônus dos leilões do de Libra, no pré-sal, para reforçar o caixa; O governo acredita que um ajuste fiscal ajudará a melhorar a imagem do país para as agências de classificação de risco


A presidente Dilma Rousseff se prepara para lançar novas providências para reforçar as contas públicas. A petista anunciará pessoalmente, até sexta-feira um pacote fiscal que inclui o contingenciamento de despesas orçamentárias, a exemplo do que foi feito em agosto de 2011, segundo informações do Valor.

Na época, o bloqueio de R$ 10 bilhões, foi visto como crucial para o Banco Central iniciar o último ciclo de redução da Selic.

O governo acredita que um ajuste fiscal ajudará a melhorar a imagem do país para as agências de classificação de risco - na semana passada, a Standards & Poor's piorou a perspectiva da nota brasileira.

Outra medida avaliada pelo governo é o anúncio de uma meta crível de superávit primário para o ano, sem manobras contábeis. Além disso, pretende-se usar R$ 10 bilhões a R$ 15 bilhões que serão arrecadados com o bônus dos leilões do de Libra, no pré-sal, para reforçar o caixa.

Em entrevista à Folha, publicada hoje, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse que economizará até dezembro o equivalente a 2,3% do PIB para abater a dívida pública, acima das previsões do mercado, de 1,8%."
You are subscribed to email updates from Brasil! Brasil!
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610



--
Francisco Almeida 




Postar um comentário