sábado, 9 de julho de 2011

Mais de 4 mil homens garantem a segurança nos balneários do Pará

Agência Pará de Notícias: "Neste segundo final de semana das férias de julho, a estrutura de segurança pública, saúde, serviços e cultura montada pelo governo do Estado com a operação 'Verão da Paz. É a gente que faz', desenvolvida desde o início do mês, continua em 65 municípios, mobilizando mais de 4 mil homens do sistema de segurança.

Nos destinos turísticos mais procurados pelos veranistas foram reforçados os serviços nas áreas de segurança e saúde, além de ações culturais e de cidadania. Equipes do Corpo de Bombeiros atuam nos balneários, com prevenção e salvamento. A operação envolve diretamente 454 bombeiros.

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) também atua em todos os finais de semana com ações de prevenção às doenças sexualmente transmissíveis (DST/Aids) e hepatites virais. Nas barracas da equipe técnica da Sespa, os veranistas recebem orientações sobre as consequências de consumo de álcool, tabagismo e outras drogas, e informações sobre preservação ambiental e DSTs.

As atividades já começaram nos municípios de Abaetetuba, Bragança, Marapanim (praia de Marudá) e Belém (distrito de Mosqueiro), e permanecerão nos demais finais de semana do mês. A partir da próxima sexta-feira (15) até 31 de julho, serão realizadas também nas praias de Salinas (nordeste), Soure e Salvaterra (no Arquipélago do Marajó).

Diversão - Além da estrutura de segurança e saúde reforçadas nos principais destinos das férias no Pará, o governo também realiza o 5º Festival Cultura de Verão, com muitas atrações. Até o final de julho, o evento apresentará artistas, grupos folclóricos e bandas locais em Belém e no interior. Neste final de semana (09 e 10), o festival ocorre em Salinas, e em Abaetetuba nos dias 15 e 16.

Já os veranistas que optarem por Mosqueiro neste sábado (10), serão recepcionados por diversos órgãos do governo no pórtico de entrada da ilha, incluindo equipes do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), do Pró-Paz Integrado (PPI), das Polícias Militar e Civil, do Corpo de Bombeiros e da Sespa.

Secom

– Enviado usando a Barra de Ferramentas Google"
Postar um comentário