quinta-feira, 19 de junho de 2014

Via Email: O pior no jornalismo é a arrogância



SARAIVA 13



Dia 17 de junho de 2014, Diogo Mainardi aprende sobre a importância de Lula para o Brasil.Perdeu, playboy!

Posted: 19 Jun 2014 01:48 PM PDT

O pior no jornalismo é a arrogância

Posted: 19 Jun 2014 10:35 AM PDT


19 de junho de 2014 | 13:48 Autor: Fernando Brito
felip
Errar, todo mundo erra.
A diferença é que os arrogantes, mesmo quando diante da evidência do erro, tentam ficar justificando seu erro.
O Paulo Henrique Amorim deita e rola na estupidez da Folha e de O Globo ao publicarem (e manchetearem)  uma entrevista de um sósia de Luiz Felipe Scolari como se fosse o próprio.
O jornalista Mario Sérgio Conti não acreditou – prefiro esta hipótese a achar que ele desejou enganar seus leitores, deixando para citar apenas nas últimas linhas – quando Wladimir Palomo (é com W, viu, Folha) entregou-lhe um cartão esclarecendo que não era o técnico da Seleção.
Aliás, não reparou o jornalista que, com 1,75 de altura, nosso bem-humorado modelo dificilmente poderia ter sido zagueiro no simpático Caxias, do Rio Grande do Sul.
O Felipão-Felipão tem 1,82, por isso é “Felipão”.
Muito menos entende nada de futebol, pois a zaga, aliás, está longe de ser nosso maior problema.
Mas a Folha prefere se dizer vítima de “trote”.
Negativo.
Quem faz trote – e com os leitores – é quem publica uma entrevista como sendo do técnico da Seleção, em plena Copa do Mundo, como se fosse a do próprio.
Aliás, seria até uma boa matéria se feita na base do “Sósia de Felipão acha isso ou acha aquilo”.
Mas era Felipão porque o jornal e o jornalista queriam que fosse, apesar do cartão de visitas.
Bastaria uma ida ao Google para chegar, e teriam aí a ficha de modelo do simpático Wladimir.
Pena que este tipo de atitude não seja uma raridade.
O “grampo” sobre o Ministro Gilmar Mendes não apareceu, mas é verdade.
Ou como o “boimate”, um “boi transgênico que produzia filé já ao molho de tomate”,  que a Veja levou dois meses para admitir que tinha copiado uma matéria de “1° de abril”.
De qualquer forma, melhor do que o caso dos estádios brasileiros que ficarão prontos apenas em 2038, previsão da capa da revista há três anos.
A qualidade moral da imprensa brasileira  é que torna o que ela faz algo como um sósia do jornalismo.
Parece, mas não é.

Do Blog TIJOLAÇO.

Barbosa é ofensor, não ofendido

Posted: 19 Jun 2014 10:24 AM PDT


Ofendido ou ofensor
A susceptibilidade de Joaquim Barbosa é incoerente com o ministro que proferiu numerosos insultos a colegas
O motivo invocado pelo ministro Joaquim Barbosa para o abandono precipitado da sua relatoria no caso mensalão, faltando menos de duas semanas para que isso se desse por sua também precipitada aposentadoria, é farto tanto em coerências como em incoerências --o que não é esperável de um juiz.
Diz o ministro que "vários advogados" do mensalão "deixaram de se valer de argumentos jurídicos" e "passaram a atuar politicamente, na esfera pública", contra ele, "através de manifestos e até mesmo partindo para os insultos pessoais, via imprensa". A conhecida hipersensibilidade do ministro não admitiu as novas críticas. Nem para tentar contestá-las, oferecendo os seus possíveis argumentos jurídicos para as atitudes criticadas.
Mas a susceptibilidade aí confirmada por Joaquim Barbosa, a reparos técnicos e ao que considerou insultos, é incoerente com o ministro que proferiu numerosos insultos a colegas. Caso de Ricardo Lewandowski, atribuindo-lhe atitudes de chicaneiro, entre outras ocasiões agressivas, e caso de Gilmar Mendes, dando-o como possuidor de jagunços em Mato Grosso --breves exemplos que tornam dispensáveis outros sofridos ou testemunhados pelo plenário do Supremo Tribunal Federal.
Fora do plenário, o ministro demonstrou também uma disposição insultuosa com formas reveladoras. A um jornalista de "O Estado de S. Paulo", cujas reportagens não o agradaram, ordenou: "Vai chafurdar na lama de onde você veio". Não bastando ser chamado de porco, o jornalista viu a represália estendida à sua mulher, dispensada por Joaquim Barbosa como funcionária requisitada pelo Supremo, no gabinete de Ricardo Lewandowski (este ministro resgatou-a).
Mas no abandono da relatoria o ministro é coerente com o pedido precipitado de aposentadoria, para o final deste mês (pouco antes, dera notícia dela para depois de novembro, ou seja, cumprido o dever funcional do seu mandato de presidente do STF). Como disse o ministro Marco Aurélio, ao falar da segunda renúncia de Joaquim Barbosa, "já deviam estar julgados" os agravos com longa espera de decisão do presidente do Supremo. Não menos de cinco.
Por acaso ou não, todos referentes a condenados do mensalão. Pelo menos três com pareceres favoráveis do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Agravos e pareceres aos quais, apesar de sua prioridade por tratarem de execuções penais, Joaquim Barbosa não deu decisão, nem incluiu na pauta de julgamento do plenário, suscitando as críticas.
Os três agravos são reconhecidos como causas perdidas, em todos os sentidos, por Joaquim Barbosa. E, dentro e fora do Supremo, tornaram-se uma situação insustentável, a exigir solução. Dispensando-se da relatoria, Joaquim Barbosa não mais precisa adotar decisão que por certo não prevaleceria, nem ceder à exigência de, afinal, submeter os agravos ao plenário, que derrotaria sua posição a eles contrária.

Copa: cadê a audiência da Globo que estava aqui ?

Posted: 19 Jun 2014 07:28 AM PDT

'O da poltrona foi às compras, Kamel …

Paulo Henrique Amorim, Conversa Afiada

Do “Outro Canal” de Keila Gimenez, na Fel-lha (*) de SP:

(…)

Onde, então, as pessoas estão vendo os jogos? Em bares, nos celulares, nos tablets? Nem o Ibope nem os canais sabem ao certo. O fato é que a torcida na poltrona de casa está menor.

Em oito anos, a Globo perdeu 43% de sua audiência no jogo de estreia da seleção na Copa. Brasil x Croácia, em 2006, marcou 65,7 pontos. Brasil x Croácia, no último dia 12, alcançou 37,5 pontos. Cada ponto equivale a 65 mil domicílios na Grande SP. Na África, em 2010, o primeiro jogo da seleção registrou 45,2 pontos.

*) Folha é um jornal que não se deve deixar a avó ler, porque publica palavrões. Além disso, Folha é aquele jornal que entrevista Daniel Dantas DEPOIS de condenado e pergunta o que ele achou da investigação; da “ditabranda”; da ficha falsa da Dilma; que veste FHC com o manto de “bom caráter”, porque, depois de 18 anos, reconheceu um filho; que matou o Tuma e depois o ressuscitou; e que é o que é,  porque o dono é o que é; nos anos militares, a Folha emprestava carros de reportagem aos torturadores."
 
Também do Blog BRASIL! BRASIL! 

Ibope: Dilma tem 39%, Aécio 21% e Campos 10%

Posted: 19 Jun 2014 07:24 AM PDT


"Acabam de sair os números da pesquisa Ibope; a presidente Dilma Rousseff lidera, com 39%, seguida do tucano Aécio Neves, com 21%, e do socialista Eduardo Campos, com 10%; "nanicos" somam 9%, o que indicaria a possibilidade de segundo turno; no entanto, o instituto incluiu entre os candidatos o senador Magno Malta (PR-ES), cujo partido pode apoiar a presidente Dilma; praticamente não houve alteração em relação aos números da pesquisa de 22 de maio do mesmo Ibope, quando os números eram 40% para Dilma, 20% para Aécio e 11% para Campos; tudo dentro da margem de erro

Brasil 247

O Ibope divulgou, neste feriado de Corpus Christi, seus novos números para a sucessão presidencial. A eles: 
 
- Dilma Rousseff (PT): 39%
- Aécio Neves (PSDB): 21%
- Eduardo Campos (PSB): 10%
- Pastor Everaldo (PSC): 3%
- Magno Malta (PR): 2%
- José Maria (PSTU): 1%
- Outros com menos de 1%: 3%
- Brancos e nulos: 13%
- Não sabe/não respondeu: 8%

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00171/2014 e foram entrevistados 2002 eleitores.

A soma dos adversários de Dilma representa 40% dos eleitores – o que aponta para a possibilidade de segundo turno.

No entanto, o instituto incluiu entre os candidatos o senador Magno Malta (PR-ES), cujo partido pode apoiar a presidente Dilma.

Em relação à pesquisa anterior do Ibope, praticamente não houve mudanças. No levantamento de 22 de maio, Dilma teve 40%, seguida de Aécio com 20% e Campos com 11%. Ou seja: todas as oscilações ocorreram dentro da margem de erro."
 
Do Blog BRASIL! BRASIL! 

Folha reconhece que mentiu e enganou seus leitores

Posted: 19 Jun 2014 07:20 AM PDT


247 na Copa - Até a Folha de S. Paulo se rendeu. Jornal que vinha dedicando a cobertura mais negativa à organização do Mundial de 2014, a publicação da família Frias reconheceu, nesta quinta-feira, que "Copa começa com falhas, mas sem o temido caos". 
"O bordão 'Imagina na Copa', repetido antes do Mundial como uma crise na infraestrutura e de possível fracasso do evento, não se concretizou", diz o texto.
Ao contrário, o que se vê é uma grande festa. Os torcedores estão satisfeitos com os estádios, fanáticos latino-americanos invadiram o País, vindos da Argentina, mas também do Chile, do México e da Colômbia, e a percepção geral é de que a Copa no Brasil caminha mesmo para ser #acopadascopas.
Isso porque, dentro de campo, o nível técnico já é um dos melhores da história, com a maior média de gols desde 1958, quando o Brasil foi campeão na Suécia. Fora dele, os aeroportos funcionam bem, com voos partindo nos horários previstos em aeroportos novos ou reformados e acesso relativamente simples aos estádios.
"Nos aeroportos, o único problema até agora foram alguns dias com fila na imigração, em Cumbica", diz o texto.
Ou seja: quem apostou contra, saiu perdendo. E o que se vê até agora é uma tese já exposta antes no 247. As expectativas foram tão rebaixadas pelo discurso derrotista que um torneio minimamente normal já será percebido como um grande sucesso.

FOLHA DE SÃO PAULO DIZ QUE COPA DO MUNDO NÃO APRESENTA O "CAOS TEMIDO" !

Posted: 19 Jun 2014 07:17 AM PDT

TEMIDO POR QUEM ?

Durante meses grande parte da imprensa brasileira - O GLOBO - ESTADÃO - FOLHA DE SÃO PAULO - ÉPOCA - VEJA - e mais os sites e telejornais dos Monopólios de comunicação, desqualificaram de forma prévia e preconceituosa o que seria a COPA DO MUNDO NO BRASIL.

Nada funcionaria, e brasileiros e turistas viveriam o "CAOS". 

Uma semana de COPA, O PAÍS CHEIO DE TURISTAS, uma movimentação fantástica de torcedores cruzando o país de um ponto ao outro, ESTÁDIOS cheios, HOTÉIS com lotação esgotada, um SHOW dos torcedores nas arquibancadas e festas nas ruas e pontos com TELÃO, e belíssimos e emocionantes jogos dentro de campo. Não consta que a imprensa estrangeira enfrente qualquer dificuldade para enviar notícias, vídeos e fotos. O serviço de comunicações do país funciona perfeitamente, e o congestionamento de sinal que ocorre é o normal de momentos de grandes picos. AEROPORTOS tem os vôos (pousos e decolagens) SEM ATRASOS, e os trens, metrôs e ônibus, transportado ao público, tanto os cidadãos que estão com sua vida normal, quanto os que se dirigem aos ESTÁDIOS, sem nenhum problema digno de destaque.
As manifestações / protestos tem ocorrido como o esperado, apenas numa intensidade e adesão baixa. Quem quer protestar dentro das regras da democracia pode, quem quer destruir ou impedir os demais de torcer, VAI PRESO. Vale aqui o registro de que no ALZIRÃO, os torcedores colocaram para correr um GRUPO que tentou impedir a festa no local.

A questão da segurança merece destaque, pela ausência de casos para se registrar. Aliás, o único destaque até aqui foi  a prisão em flagrante de um ATLETA e POLICIAL francês, portando drogas e tentando subornar um PM. Foi conduzido à Delegacia e autuado.

Os problemas que acontecem são os normais de um evento dessa magnitude, e a hospitalidade dos brasileiros e as nossa belezas naturais estão encantando os estrangeiros.

Ressalvada a possibilidade remota de uma ocorrência extrema, tudo sinaliza para uma Copa tranquila, bela e organizada. O BRASIL ainda não é tão BOM quanto nós gostaríamos, mas, com certeza não é tão RUIM como parte da imprensa e alguns brasileiros metidos a besta o pintam.


Bela homenagem à Seleção de 1982 e ao Doutor Sócrates

Posted: 19 Jun 2014 06:58 AM PDT

You are subscribed to email updates from BLOG DO SARAIVA
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610



--
Francisco Almeida 




Postar um comentário