quinta-feira, 4 de junho de 2009

Comentando a Notícia

Por Francisco Almeida

No dia 09 de junho estará sendo realizada a viagem inaugural do catamarã Álamo, destinado a atender, segundo a CPH, o clamor da população do arquipélago e do empresariado do setor de turismo. Sem dúvida nenhuma, é um ganho pro empresariado, e uma opção para o público em geral. O que não concordo é com as justificativas para o elevado preço da passagem, segundo informações, quase o dobro da tarifa atual: o transporte é seletivo; é para evitar a migração dos usuários da linha normal e não causar prejuízos para as companhias que prestam esse serviço atualmente. Eu pergunto! E nós, Que fazemos uso da linha regular? Resolve-se o problema do turista, do empresariado e nós, literalmente, ficamos à ver navios! Nós que engordamos as contas bancárias dos senhores donos das empresas concessionárias do transporte público, ficamos obrigados a enfrentar as três horas e meia de viagem em navios velhos, sujos e de banheiros fedorentos, isso, sem contar o deslocamento de Soure e de Salvaterra para a foz do rio, de onde se apanha o navio para Belém, em ônibus velhos e mal conservados, preço da passagem, C$ 3,00, para cobrir um percurso de no máximo 30 Km. Nós somos a população que clamou pela melhoria do serviço, um transporte digno e de qualidade, ainda não fomos atendidos. Que se arrume a casa para “inglês ver” Mas, primeiro, arrume a casa para nós vivermos nela.
Postar um comentário