terça-feira, 30 de novembro de 2010

Banda larga: sinônimo de desenvolvimento econômico e inclusão social

Internet banda larga chegará a 40 milhões de domicílios brasileiros até 2014. Na imagem, crianças contempladas pelo programa Um Computador por Aluno. Foto: Ricardo Stuckert/PR
O acesso a banda larga está mais perto de se tornar realidade para milhões brasileiros que moram no interior e nas áreas rurais do País. O assunto é uma das pautas centrais de discussão do 3º encontro do Fórum Brasil Conectado, que está sendo realizado nesta terça-feira (30/11), em Brasília (DF).
O 3º encontro dá continuidade aos debates e discussões sobre o desenvolvimento e os resultados alcançados com a implementação do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL) – lançado em maio deste ano -, que vai levar às regiões centrais do Brasil internet rápida a preços acessíveis e abaixo do praticado no mercado. As 100 primeiras cidades que serão contempladas pelo programa já foram selecionadas e receberão o serviço por meio da estatal Telecomunicações Brasileiras S.A. (Telebrás). Até 2014, a expectativa é que o serviço esteja presente em 40 milhões de domicílios brasileiros. Ao final da reunião, será lançado o documento-base do PNBL.
O Fórum Brasil Conectado é vinculado ao Comitê Gestor do Programa de Inclusão Digital, instância da Casa Civil da Presidência da República. Em suas discussões, realizadas bimestralmente, reúnem-se representantes dos governos federal, estadual e municipal, poder Legislativo, entidades de representação das operadoras, fabricantes de equipamentos, desenvolvedores de software, produtores de conteúdo digital, entidades de representação dos usuários e sociedade civil.
Com a implantação total do PNLB, o governo federal pretende acelerar o desenvolvimento econômico e social, promover a inclusão digital, reduzir as desigualdades social e regional, promover a geração de emprego e renda. Espera-se, ainda, ampliar os serviços de governo eletrônico e facilitar aos cidadãos o uso dos serviços do Estado, além de promover a capacitação da população para o uso das tecnologias de informação e aumentar a autonomia tecnológica e a competitividade do País.

Artigos relacionados

Postar um comentário